Coudet começa a desenhar equipe para o clássico

Nesta sexta-feira (2), Eduardo Coudet comandou trabalhos técnicos no CT Parque Gigante.


0
Foto: Ricardo Duarte / Internacional

A equipe colorada que enfrentará o Grêmio neste sábado, às 17h, na Arena, pela 13ª rodada do Brasileirão, começa a ser desenhada pelo técnico Coudet. As surpresas podem acontecer, é claro, como pede um bom clássico. Mas com os retornos e baixas no papel, é possível esboçar uma equipe que busca quebrar um jejum de dez clássicos sem vencer o rival.

Na tarde desta quinta-feira (1º), Eduardo Coudet comandou trabalhos técnicos no CT Parque Gigante. E nesta sexta (2), na última oportunidade de trabalho antes da partida, o técnico voltou suas atenções na equipe principal que entrará em campo no sábado.

Uma nova bateria de exames para a Covid-19 foi feita e a comissão e Moisés testou positivo para a doença. Uma das dúvidas está na lateral direita. Isso porque o titular da posição, Renzo Saravia, sofreu uma lesão nos ligamentos do joelho direito e virou desfalque na temporada. Se Rodinei, que estava fora após contrair o novo coronavírus às vésperas do empate com o São Paulo, testar negativo, deve assumir a posição. Caso contrário, Heitor deve assumir a posição mais uma vez.

Apesar das dúvidas, o técnico poderá contar com um retorno para o clássico 428. D’Alessandro está à disposição do treinador após ter ficado fora do empate em 0 a 0 com o América de Cali devido a problemas familiares. Apesar de a tendência apontar para que o camisa 10 inicie no banco de reservas, a presença e a liderança do meia podem fazer a diferença para a quebra do jejum.

Outro nome que volta à equipe, é Edenilson. O meia não jogou a partida contra o América de Cali, pela Libertadores, porque ainda cumpria suspensão. Com o retorno, o técnico deve conseguir organizar um meio-campo que vinha dando resultados, mas não entrava em campo desde a vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo, com Rodrigo Lindoso, Edenilson, Boschilia e Patrick.

No ataque, a novidade é o retorno de Yuri Alberto. Após sua chegada no Inter, o jovem de 19 anos disputou poucas partidas antes de sofrer uma lesão muscular e precisar ficar fora dos gramados por algumas semanas. Entre os titulares, a dupla Thiago Galhardo e Abel Hernández deve voltar a aparecer, já que a última tentativa do técnico, de substituir o uruguaio por Leandro Fernández não surtiu efeitos.

O clássico de número 428 na história ocorre neste sábado (3), às 17h na Arena, pela 13ª rodada do Brasileirão.

Fonte: O Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui