Covid-19 ameniza em março e máscaras deixarão de ser utilizadas em setembro, diz vidente e umbandista

Tentativa de golpe em Bolsonaro, traição contra Eduardo Leite e dupla Gre-Nal sem títulos; veja essas e outras projeções para 2021 conforme Elena da Padilha.


0
Vidente e umbandista Elena da Padilha (Foto: Jonas de Siqueira)

No primeiro dia de 2021, a vidente e umbandista Elena da Padilha fez previsões para o ano em participação no programa Troca de Ideias desta sexta-feira (1º). Conforme ela, 2021 foi recebido Oxalá, Iemanjá e pelo Povo de Exu. “Após um 2020 turbulento, Oxalá vai colocar tudo no seu lugar, de uma forma lenta que é característica deste orixá”, diz.


OUÇA A ENTREVISTA 


A vidente diz que entre os meses de março e abril, gradativamente, amenizará os efeitos da Covid-19. Conforme ela, até o final de setembro, deixaremos de fazer uso das máscaras que ajudam a prevenir contra o coronavírus.

Com relação a nossa economia, Elena vê um favorecimento para pequenas empresas e junção de grupos. Segundo ela, a área que mais favorece é a de criação. “Até setembro haverá não só a volta de estabilidade, como crescimento de pequenos negócios”, estima.
A vidente diz que a oposição tentará ainda atingir a imagem de Jair Bolsonaro, alegando ou criando situações que envolvem dinheiro ilícito dele e do seu filho. Conforme ela, para o presidente será o ano de colher resultados no sentido de ser destaque em outros países e firmar novos acordos.

No governo do estado, haverá dissolução de convênios firmados e nosso governador Eduardo Leite sofrerá uma traição de alguém mais velho pertencente ao Legislativo estadual. Conforme Elena, a tendência é que a posição tenha divergências com o governo de Leite, havendo inclusive migração para siglas.

Para o governo de Lajeado, a umbandista diz que Caumo deve cuidar muito de sua saúde física em razão desencontrar-se com fragilidade espiritual. Isto em decorrência dos ataques espirituais que sofreu na segunda metade de 2020 e ainda sofrerá no início de 2021. No início deste ano, a preocupação estará voltada ao lado da economia do município. Elena vê um mostra crescimento para Lajeado após julho deste ano.

Em relação ao clima, 2021 será um ano de muita chuva. Tanto esparsas, com a possibilidade de chuvas longas. “Devido a isso, consequentemente haverá enchentes.”, comenta Elena.

No esporte, Elena ressalta que o Internacional enfrentará dificuldades financeiras que vão dificultar novas contratações, mas não impedirá que o clube faça uma boa campanha. Conforme ela, o Grêmio sofrerá uma série de problemas por causa de um jogador, resultando inclusive em processo. “As cartas marcam um ano de muitas conturbações, jogadores importantes se machucando”, diz. A vidente diz que não haverá títulos para a dupla Gre-Nal nos campeonatos que começarão em 2021.

Para o Clube Esportivo Lajeadense, Elena não prevê finais, mas diz que o clube irá surpreender em 2021. Já a ALAF, sofrerá mudanças boas, com muita clareza e conquistas.

A vidente aponta também uma curiosidade. “Como Iemanjá está regendo este ano, as mulheres em geral devem se cuidar muito pois o ano é próprio para gravidez”, comenta. JS/EP

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui