Do isolamento acústico com caixas de ovos até o moderno Estúdio Lauro Mathias Müller

As mudanças de estrutura da rádio foram pauta para o diretor do Grupo Independente João Pedro Müller e o produtor de vídeo Lucas Brunetto


0

A Rádio Independente inaugurou nesta segunda-feira (28) seu moderno estúdio multimídia. A estrutura foi adequada a nova realidade do meio rádio, proporcionando mais qualidade e melhor entrega em áudio e imagens. No bate-papo do programa Panorama, recebemos um dos diretores do Grupo Independente João Pedro Müller. Ele falou sobre a transformação vivenciada na emissora. Quem também participou foi o produtor de vídeo Lucas Brunetto, que teve participação direta na formatação da estrutura inovadora.

Assista às entrevistas  

“Comecei operando (mesa de áudio) quando a Rádio Independente ainda localizava-se na Rua Silva Jardim — onde hoje está sediada a Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil)”, conta Müller.

Em 1978, a emissora foi transferida para o Bairro Alto do Parque, local da sede atual. Na época, o estúdio era apenas uma sala normal, sem revestimento. “Depois, para melhorar a acústica, colocamos embalagens de caixa de ovos”, relembra.

Depois houve mais uma reformulação, com a instalação de espumas acústicas, até chegar ao moderno estúdio lançado nesta segunda-feira (28), intitulado de Lauro Mathias Müller, pai de João Pedro, um dos fundadores da empresa e o maior ícone da comunicação regional.

Diversas câmeras de última geração, iluminação própria para a transmissão em vídeo e um novo layout são os destaques da estrutura que começou a ser utilizada nesta segunda-feira (28). “Estamos virando quase uma televisão”, comenta o diretor sobre a evolução. Ele adianta ainda que as evoluções não param. O Grupo Independente deve lançar mais duas rádios FM neste ano e, mais uma, em 2022, projeta.

Brunetto pontua que ao longo da sua história, o meio de comunicação rádio soube se adaptar. “Esta mudança agora é de continuar sendo rádio, mas também sendo TV. Então produzimos conteúdo não só em forma de áudio, mas audiovisual.”

O produtor de vídeo teve atuação pontual na repaginada do estúdio, orientando como deveria ser o layout, iluminação, quantidade e posicionamento de câmeras, por exemplo. São quatro câmeras instaladas no estúdio, além da possibilidade dos entrevistados ou apresentadores, aparecerem via streaming de vídeo, na liva da programação, de outro lugar do planeta.

Veja vídeo com as mudanças 

Texto: Rodrigo Gallas
web@inependente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui