David N. Dinkins, primeiro prefeito negro de Nova York, morre aos 93 anos

O democrata comandou a cidade entre 1990 e 1993; ele foi substituído pelo republicano Rudolph Giuliani, depois de cumprir com apenas um mandato.


0
David N. Dinkins, primeiro prefeito negro de Nova York, discursa em foto de 1990 (Foto: Frankie Ziths/AP/Arquivo)

David N. Dinkins, o primeiro prefeito negro a comandar a cidade de Nova York, morreu nesta segunda-feira (23).

A morte de Dinkins acontece poucas semanas depois da de sua esposa, Joyce, que morreu no final de outubro, aos 89 anos.

Segundo o departamento de polícia, o político de 93 anos morreu em casa, por morte natural.

Dinkins, do Partido Democrata, era conhecido por ser bastante calmo e educado – bem diferente do seu sucessor, Rudolph Giuliani, o advogado do presidente Donald Trump, que tem um perfil mais combativo e “brigão”.

A gestão de Dinkins foi marcada por conflitos raciais, como os protestos de Crown Heights, no Brooklyn, em 1991, após a morte de duas crianças negras.

Ele também enfrentou duras críticas que diziam que ele não estava preparado para o cargo.

Ao tomar posse, Nova York era uma cidade muito violenta, com uma taxa anual de mais de 1 mil homicídios. Além disso, milhões de nova-iorquinos estavam desempregados.

Dinkins foi derrotado por Giuliani após apenas um mandato. No discurso em que reconheceu a derrota, ele disse: “Nós fizemos história. Nada pode tirar isso”.

Dinkins foi o único prefeito negro na história de Nova York.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui