Demonizar antidepressivos pode levar à piora na atenção à saúde mental, afirma pesquisa da USP

Psiquiatra Rafael Moreno comenta estudo no Troca de Ideias desta segunda-feira


0
Médico psiquiatra Rafael Moreno (Foto: Tiago Silva)

No quadro Direto ao Ponto desta segunda-feira (1º), o psiquiatra Rafael Moreno explica a importância da conscientização sobre o uso de antidepressivos e a interrupção dos tratamentos sem a prescrição médica.

De acordo com Moreno, os medicamentos psiquiátricos, principalmente os conhecidos como “tarja preta”, têm um estigma muito grande no Brasil, uma vez que as pessoas acreditam que eles podem gerar malefícios ou causar vício. Entretanto, o psiquiatra ressalta que assim como qualquer outra doença, o transtorno mental precisa ser tratado com medicação.


ouça o comentário

 


Além de serem prescritos contra a depressão, os medicamentos são utilizados para combater a ansiedade, a TPM, a bulimia e outros transtornos alimentares. Moreno explica que nesses casos “os antidepressivos regularizarão a funcionalidade dos neurotransmissores”.

O psiquiatra alerta para o fato de que muitas pessoas que não utilizam os medicamentos adequados acabam recorrendo ao alcoolismo, à drogadição, deixam de trabalhar e produzir, podendo chegar à tentativa de suicídio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui