Detran consulta Departamento Estadual de Trânsito sobre processos perdidos no incêndio da SSP

A preocupação da autarquia é a de não prejudicar os proprietários de veículos, que podem não ter cópias das provas anexadas aos processos


0
Foto: SSP / Divulgação

Após o incêndio e desabamento da sede da Secretaria da Segurança Pública do Estado em Porto Alegre, o diretor geral do Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (DetranRS), Enio Bacci, solicitou um posicionamento do Conselho Estadual de Trânsito (CetranRS) sobre os processos ativos de apresentação de condutor, defesa e recursos de multas que foram perdidos no sinistro. A preocupação da autarquia é a de não prejudicar os proprietários de veículos, que podem não ter cópias das provas anexadas aos processos. Tratam-se de cerca de 95 mil apresentações de condutor (quando o proprietário indica quem estava dirigindo no momento da infração), defesas de autuações e recursos de multas feitos em papel e que aguardavam análise ou julgamento. A proposta do DetranRS é que sejam todos arquivados, já que não existe a possibilidade de resgatar o conteúdo, mas é preciso estudar a legalidade do ato. Correio do Povo

Enem 2021: Prazo para pagar taxa de inscrição se encerra nesta segunda 

Os estudantes que se inscreveram para fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 têm até esta segunda-feira (19) para pagar a taxa de inscrição no valor de R$ 85. Sem o pagamento, a inscrição não é concluída e não é possível fazer o exame. Neste ano, diferentemente da edição anterior do Enem, as versões impressa e digital serão aplicadas nas mesmas datas (21 e 28 de novembro) e terão perguntas iguais. O Enem digital será exclusivo para quem já concluiu o ensino médio ou está concluindo essa etapa em 2021. O Enem 2021 terá, no máximo, 4.004.764 participantes – que é o número de inscritos até quarta-feira (14), quando terminou o prazo para cadastro. Normalmente, parte dos candidatos não efetua o pagamento da taxa de inscrição e, por isso, o número final tende a ser menor. G1

Queiroga: país avança na vacina, mas está longe do fim da pandemia

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, comemorou nesta segunda-feira (19) a imunização de mais da metade da população vacinável contra a Covid-19 e destacou que o avanço do PNI (Programa Nacional de Imunização) já começa a mostrar sinais positivos no Brasil. Porém, ressaltou que o país ainda está longe do fim da pandemia.”O que precisamos é acelerar nossa campanha de vacinação e os resultados já começam a aparecer, com a redução no número de casos, das internações, menor pressão do sistema de saúde e queda da média móvel de óbitos”, disse na chegada ao Ministério da Saúde. Ele, no entanto, reconhece, que ainda existem vários desafios a serem enfrentados, com a chegada da variante Delta. “Ainda temos poucos casos no Brasil, mas não quer dizer que eles foram os únicos diagnosticados”, apontou. “Nós ainda estamos distantes de pôr fim à pandemia.” Correio do Povo

Sobe para 195 o nº de mortos pelas chuvas na Europa

As inundações causadas pelas fortes chuvas na Europa já deixaram 196 mortos na Alemanha e na Bélgica, segundo balanço atualizado divulgado nesta segunda-feira (19). São 165 mortes na Alemanha (117 na região da Renânia-Palatinado, 47 na da Renânia do Norte-Vestfalia e 1 na Baviera) e outras 31 na vizinha Bélgica. Há também 749 feridos na Renânia-Palatinado, segundo a porta-voz da polícia de Koblenz, Verena Scheuer. A Alemanha está em choque com o maior desastre natural da história recente (uma enchente no Mar do Norte deixou cerca de 340 mortos em 1962). G1

Buscas por bombeiros desaparecidos em prédio da SSP chegam ao quinto dia

Com buscas ininterruptas, equipes de busca seguem os trabalhos na estrutura colapsada do prédio da Secretaria da Segurança (SSP) do Rio Grande do Sul, atingido por um incêndio na semana passada. Nesta segunda-feira, 67 homens trabalham no resgate ao 2º sargento Lúcio Ubirajara de Freitas Munhós e o 1º tenente Deroci de Almeida da Costa. Eles estão desaparecidos desde a última quarta-feira, quando ocorreu incêndio que destruiu a edificação. Conforme o tenente-coronel Eduardo Estevam Rodrigues, comandante do 1° Batalhão de Bombeiro Militar (1ºBBM) de Porto Alegre, foram alocadas mais três equipes de buscas especializadas em áreas colapsadas.Foram abertos dois acessos na edificação nesse domingo, permitindo que duas rotas de trabalho sejam mantidas simultaneamente. Além disso, duas retroescavadeiras estão sendo usadas para a retirada dos escombros do local.

Produção e apresentação: Caroline Silva
Próxima edição: hoje, às 18h

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui