Dez dos 30 novos casos de Covid-19 no Estado são do Vale do Taquari

Atualização foi feita na manhã desta terça (28). São sete casos de Lajeado, dois de Arroio do Meio e um de Colinas.


0

Mais dez casos de coronavírus no Vale do Taquari foram confirmados pela Secretaria de Saúde do Rio Grande do Sul na manhã desta terça-feira (28). Isso representa um terço dos 30 novos casos Estado. Lajeado é o segundo município com maior número de novas infecções: sete. Só fica atrás de Porto Alegre, que teve nove. Arroio do Meio teve mais duas confirmações e Colinas outra. Com isto o Vale do Taquari passa a ter 120 casos confirmados, sendo 77 ativos. A região segue com três óbitos pela doença, todos em Lajeado.

Conforme a assessoria de imprensa da Prefeitura de Lajeado, os casos do município são todos de pessoas na faixa dos 30 anos, que estão em isolamento domiciliar e que fizeram exames de laboratório privados logo no início dos seus sintomas. Segundo a assessoria “são casos diferentes dos testados em hospital, quando só testa caso grave”. São quatro mulheres – de 30, 33,35 e 36 anos – e três homens – de 34,37 e 39 anos. Agora Lajeado tem 63 casos já confirmados, três óbitos, 20 recuperados e 40 ativos.

Arroio do Meio teve dois novos casos. Um homem de 41 anos, que está no grupo de risco e uma mulher de 43 anos, fora do grupo de risco. Ambos estão em isolamento domiciliar. Com isto são oito casos já confirmados pelo Estado em Arroio do Meio, passando a ser o terceiro município do Vale com maior número de casos, atrás de Lajeado e Taquari. Todos os casos são ativos. Na conta da prefeitura ainda consta uma mulher de 44 anos que fez teste rápido e já está curada. O caso, no entanto, não entra na lista do Estado.

E o novo caso de Colinas é uma mulher de 55 anos, que está internada no Hospital Estrela desde a última quinta-feira (23) em estado estável. Agora o município contabiliza dois casos ativos.

Texto: Ricardo Sander
ricardosander@independente.com.br

Foto: Grupo Independente

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui