Disney pode perder os direitos autorais de Mickey Mouse em 2024

Direitos sobre o personagem, o mais famoso da companhia, expirarão 95 anos após sua criação


0

A Walt Disney Company pode perder os direitos de exclusividade de seu mais famoso personagem, o Mickey Mouse. Em 2024, o domínio pode se tornar público, já que os direitos autorais do ratinho, segundo a atual lei de propriedade intelectual que rege os EUA, expirarão 95 anos após sua criação.

Desde que foi desenhado, em 1928, Mickey leva muito dinheiro à companhia, e é o maior símbolo da Disney. Por isso, ao longo do tempo, os seus direitos autorais acabaram virando sinônimo de muita luta.

No início, esses direitos foram protegidos por 56 anos. Porém, à medida que o final desse período se aproximava, a Disney pressionou com sucesso para estender a proteção para 75 anos. A mesma coisa aconteceu em 1998, conseguindo estender para 95 anos.

Se a Disney perder os direitos autorais, quem quiser utilizar a imagem do personagem não precisará nem pedir permissão, nem pagar royalties, o que significará uma queda grande na receita da multinacional americana de entretenimento.

Pioneiro

O Mickey Mouse, criado por Walt Disney, apareceu pela primeira vez no desenho em preto e branco Steamboat Willie ou “O vapor Willie”, em Nova York, em 18 de novembro de 1928.

O desenho animado foi pioneiro na animação pelo uso de som sincronizado – onde os movimentos na tela correspondem à música e aos efeitos sonoros, lançando uma das imagens mais reconhecidas no cinema e na televisão.

Fonte: Metrópoles e O Globo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui