Dupla que atraía vítimas para cometer assaltos é presa durante Operação Fake Brick

Golpistas anunciavam peças de barcos, motores de lanchas, dentre outros objetos por meio de uma rede social.


0
Foto: Rafael Cunha / Portal Arauto

A Polícia Civil de Santa Cruz, por meio da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), desencadeou a Operação Fake Brick na manhã desta terça-feira (24). Dois criminosos que são apontados como autores de um golpe seguido de assalto foram presos. Um deles estava no Bairro Rauber, em Santa Cruz, e o outro foi pego em Pantano Grande. Dos três casos em que a participação da dupla já foi comprovada, foram feitas vítimas das cidades de Lajeado, Alpestre e Doutor Maurício Cardoso. De acordo com as investigações, os golpistas anunciavam peças de barcos, motores de lanchas, dentre outros objetos por meio de uma rede social.

Os alvos eram consumidores de fora da cidade, preferencialmente de outras regiões e até de outros Estados. Após acertarem a venda, os bandidos marcavam um ponto de Santa Cruz para que as vítimas pudessem retirar o produto e fazer o pagamento. A dupla optava por encontros em ruas de pouca circulação de pessoas, preferencialmente aos finais de semana.

Quando chegavam ao local combinado, eles anunciavam o assalto e roubavam o dinheiro dos supostos compradores. Os indivíduos também furtavam os carros dos alvos para fugir. Em uma dessas ocasiões, a vítima reagiu e foi baleada na perna. A partir desse crime a Polícia Civil passou a ter evidências da ação criminosa. O valor roubado em cada situação variava entre R$ 5 mil e R$ 7 mil. Ao longo das investigações, a Polícia civil também apreendeu um carro usado pelos bandidos para chegar aos locais dos assaltos. AD/Portal Arauto

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui