Duplicação da BR-386 começa na próxima semana, diz diretor da CCR ViaSul

Confira o vídeo divulgado pela concessionária com as obras a serem executadas


0

Começa na próxima semana a duplicação da BR-386, entre Lajeado e Carazinho. A informação foi confirmada, nesta quarta-feira (12), pelo diretor da CCR ViaSul, Fausto Camilotti, em conversa com a Federação de Entidades Empresariais do Rio Grande do Sul (Federasul). A obra abrange 166 km da rodovia e deve ser concluída em nove anos.

Conforme Camilotti, há cada dois anos será realizada uma parte do projeto total. O primeiro trecho, de 20 km, fica entre os municípios de Lajeado e Marques de Souza. O segundo, de 26 km, entre Fontoura Xavier e Soledade. Na sequência, as equipes irão atuar numa área de 31 km, entre Soledade a Tio Hugo. Já o quarto trecho a receber a duplicação, entre Marques de Souza a Fontoura Xavier, tem 56 km de extensão. Por fim, as obras serão concluídas entre Tio Hugo e Carazinho.

De acordo com o presidente da concessionária, todas as compras necessárias para a duplicação serão feitas na própria região, para incentivar a economia local. Ele não informou o valor da duplicação, mas lembrou que integra a quantia de R$ 5 bilhões nos 30 anos previstos na concessão. Disse ainda que a empresa já investiu R$ 500 milhões desde que chegou, em 2019. Apenas neste ano, o investimento previsto gira em torno de R$ 370 milhões.

Conforme a CCR, o licenciamento já está assinado e deve ser publicado até o final desta semana, permitindo o início das atividades. Durante a duplicação, também será colocado em prática a Centro de Atendimento à Comunidade Lindeira, que vai oferecer informações para atender as necessidades das comunidades por onde passarem as obras. Segundo a concessionária, nos trechos duplicados, a redução no número de mortes em acidentes chega a 75%.

Vídeo demonstrativo sobre as obras

Nesta quarta-feira, a CCR ViaSul também divulgou um vídeo demonstrativo sobre as obras de duplicação da rodovia. As imagens trazem informações sobre os 12 municípios que serão contemplados com os serviços. Além disso, apresenta por meio de um gráfico, os detalhes das intervenções a serem feitas em cada trecho duplicado.

Entre Lajeado e Marques de Souza serão feitas seis novas pontes e alargamentos, oito travessias para pedestres, seis adequações de acesso, dois retornos em nível, duas passagens superiores, 13 km de vias marginais e um novo sistema de iluminação.

Texto: Artur Dullius

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui