“Em 90 anos, é a primeira vez que a gente consegue trazer um governador ao hospital”, valoriza diretor executivo do HBB

Eduardo Leite participa nesta sexta-feira de solenidade de inauguração da nova Emergência e lançamento das obras da nova UTI Pediátrica


0
Cristiano Dickel, diretor executivo do Hospital Bruno Born (Foto: Tiago Silva)

O Hospital Bruno Born (HBB) realiza uma solenidade nesta sexta-feira (3), a partir das 14h, com a presença do governador Eduardo Leite (PSDB), que marca a inauguração da nova Emergência da casa de saúde de Lajeado. No evento ainda serão lançadas as obras da nova UTI Pediátrica. O novo espaço, com dez leitos (a estrutura anterior tinha quatro leitos), poderá atender pacientes em estado grave de 29 dias a 13 anos, e deverá entrar em funcionamento entre seis e oito meses.

A UTI ficará no terceiro andar, e terá um elevador exclusivo para quando a criança precisar transitar da UTI Neonatal, no segundo andar, para a Pediátrica.

Para a construção da nova UTI Pediátrica, o Governo do RS incluiu o HBB no programa Avançar. Serão destinados à obra R$ 3,3 milhões (R$ 1,75 milhão para a reforma e R$ 1,55 milhão para a compra de equipamentos).

O diretor executivo do hospital, Cristiano Dickel, agradece o empenho do estado na iniciativa. “Em 90 anos de hospital, é a primeira vez que a gente consegue trazer um governador ao hospital, assim como o vice”, valoriza, sobre a participação de Leite e do vice-governador Ranolfo Vieira Júnior na solenidade.

 

A nova Emergência

Cristiano Dickel classifica a nova Emergência como como prática, ágil e muito bem estruturada em termos de espaços físicos e de equipamentos. Ela conta com duas salas vermelhas para procedimentos invasivos, sem a necessidade de se levar o paciente a um bloco cirúrgico.

O setor dispõe de oito leitos de UTIs modernos, com equipamentos novos, adquiridos durante a pandemia de covid-19. São respiradores, monitores, camas e bombas de infusão, entre eles. O diretor lembra que haverá dois médicos emergencistas em tempo integral.

Haverá também um painel de monitoramento em tempo real com informações, como tempo de entrega dos exames, dos pareceres médicos, espera para reavaliação, entre outros dados para qualificar o atendimento.

Nova emergência do Hospital Bruno Born (Foto: Divulgação)

Texto: Tiago Silva
web@independente.com.br

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui