Em 99% dos casos, o câncer do colo do útero tem relação com o HPV, afirma médica

“Não existe sintoma precoce do câncer do colo do útero, e isso é um problema”, relata Débora Bolsi de Vasconcelos, ao chamar atenção para a vacina e a realização do pré-câncer.


0
Foto: Tiago Silva

A Sociedade Americana de Oncologia Clínica lançou a campanha “Janeiro Verde Piscina” para conscientização e prevenção do câncer do colo do útero. No Panorama desta terça-feira (26), a ginecologista e mastologista Débora Bolsi de Vasconcelos ressaltou que esse tipo de câncer tem grande incidência em mulheres jovens. Conforme a médica, ele ocorre geralmente após o início da vida sexual.


ouça a entrevista

 


 

Débora afirma que, em 99% dos casos, o câncer do colo do útero tem relação com o HPV. Ela explica que mais de 75% das mulheres têm contato com esse vírus, já que existem mais de 300 variações conhecidas dele. Na maioria das situações, o homem é o portador para as meninas, mas neles é mais raro a incidência.

Desse total de vírus HPV, somente alguns deles causam o câncer do colo do útero. Por isso, a ginecologista e mastologista chama atenção para a importância da vacina como forma de imunização contra o câncer nessa região, e também a realização anual de pré-câncer.

A vacina está disponível gratuitamente nos postos de saúde, em duas a doses, para meninos e meninas dos 9 aos 14 anos, e homens e mulheres de 9 a 26 anos vivendo com HIV ou AIDS, pacientes que receberam transplante de órgãos, de medula óssea e pessoas em tratamento contra o câncer. A vacina pode ser tomada, também, por meninos e meninas que já não são virgens, mas a sua eficácia pode estar diminuída, pois já podem ter estado em contato com o vírus.

A médica relata que “não existe sintoma precoce do câncer do colo do útero, e isso é um problema”. Quando os sintomas surgem, é o sangramento depois de uma relação sexual, ou então corrimento. “Geralmente quando dá sintomas, o câncer já tá com uma lesão um pouco mais grave”, Débora nota.

Texto: Tiago Silva
web@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui