Em Brasília, prefeito de Arroio do Meio busca solução para retomada da obra do muro de contenção contra enchentes

“É uma obra importantíssima para o nosso município”, defende Danilo Bruxel


0
Danilo Bruxel (d) e o secretário Áureo Scherer (e) com o assessor parlamentar em Brasília Douglas Sandri (Foto: Divulgação)

Na capital federal, o prefeito de Arroio do Meio, Danilo Bruxel, participou do quadro “Direto de Brasília”, com Douglas Sandri. O mandatário está no Distrito Federal em busca de liberação de emendas em gabinetes e, principalmente, com o objetivo liberar o envio de recursos de mais de R$ 4 milhões para a construção de um muro de contenção contra as cheias do Rio Taquari.

A obra foi iniciada no começo do ano e paralisada em função da falta de recursos por um empasse relativo ao projeto. Bruxel diz que está otimista com a liberação.


ouça o quadro “direto de brasília”

 


O prefeito explica que foi a Brasília para “ver o que está acontecendo, porque é uma obra importantíssima para o nosso município”. “Cada enchente que dá, pode desmoronar mais aquele barranco. Então é importante, e nós entendemos que vamos sair daqui com uma solução para que aquela obra possa continuar acontecendo”, destaca.

Nos contatos iniciais, o gestor percebe que há um entendimento com a Defesa Civil do governo federal. “Eles querem resolver, só que é um recurso da administração passada. O projeto e a licitação foram feitos na administração passada. Nós iniciamos nesse ano, demos início à obra e quando pedimos a liberação da primeira parcela, nos deparamos com alguns ajustes que precisam ser feitos”, detalha Bruxel.

Foto: Gabriela Hautrive / Arquivo

Saiba mais

A obra iniciou em 29 de janeiro, mas por falta de pagamento, a empresa vencedora da licitação retirou sua equipe e maquinário do local, paralisando a obra em 7 de maio. A medida foi adotada por conta do não recebimento de recursos devido a questões envolvendo a Prefeitura de Arroio do Meio e a Defesa Civil do Governo Federal.
A obra foi licitada em R$ 4,5 milhões, com contrapartida de R$ 500 mil por parte da prefeitura, totalizando R$ 4,9 milhões.

O muro de gabião está sendo montado com pedras acumuladas em armações de aço, com oito metros de altura, sendo a base de 1,5m, firmado dentro da água e 6,5 fora da água. O muro está localizado na Rua Campos Sales, no entroncamento com a Rua Maurício Cardoso, no Bairro Navegantes. A estrada no entorno receberá 232 metros de revestimento asfáltico para ajudar na impermeabilização.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui