Em nova agência, INSS planeja mais serviços e avanço do autoatendimento em Lajeado

Espaço também será desenhado para atender aos requisitos de acessibilidade


0
Prédio do INSS em Lajeado será repassado ao HBB (Foto: Google Street View / Reprodução)

O gerente-executivo do INSS de Novo Hamburgo, que abrande também a agência de Lajeado, Eduardo Basso, explicou quais são os planos do órgão federal de seguridade social para a sua nova sede no município. Por um acordo com a Prefeitura de Lajeado e o Hospital Bruno Born, será feita a cedência, por parte do município, da área da antiga praça Mário Lampert, na Rua Júlio May, para a construção da nova sede do INSS, que será custeada pelo Hospital Bruno Born. A casa de saúde, por sua vez, ficará com o atual prédio do INSS no Centro de Lajeado e utilizará para a sua expansão.

Conforme Basso, a cedência ainda precisa ser autorizada oficialmente pela Câmara de Vereadores de Lajeado. Após isso, a equipe de engenharia do instituto começará a desenhar o projeto da nova agência. O gerente-executivo diz que não será uma obra pequena. “Uma agência da Previdência Social tem os seus requisitos”, adianta.


ouça a entrevista

 


De acordo com ele, no novo espaço será possível ofertar novos serviços à comunidade. Basso explica que a ideia é que serviços comecem a ser ampliados, na nova modalidade de autoatendimento. Segundo o executivo, será uma agência mais moderna, com maior acessibilidade e salões mais amplos, com todos os serviços no mesmo piso.

A atual agência de Lajeado é de grande ponte. Em função da pandemia, tem atendido cerca de 110 pessoas por dia; em tempos normais, são aproximadamente 250 pessoas. Ela cobre 17 municípios e aproximadamente 200 mil pessoas na região do Vale do Taquari.

O instituto conta com cerca de 30 servidores em Lajeado, entre médicos peritos, funcionários administrativos e estagiários. “É uma agência que oferece serviços completos ao cidadão”, pontua o gerente-executivo.

Texto: Tiago Silva
web@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui