Em ofício ao Governo do Estado, CIC-VT pede flexibilização total da atividade econômica

Entidade afirma que a reversão crescente da cor das bandeiras decorrente de recursos é sinal de que o programa está deteriorado.


0
Presidente da CIC-VT, Ivandro da Rosa (Foto: Tiago Silva / Arquivo)

Nesta segunda-feira (3), a Câmara da Indústria, Comércio e Serviços do Vale do Taquari (CIC-VT) enviou ofício ao Governo do Estado solicitando a “mudança urgente do funcionamento do programa de Distanciamento Controlado”, criado para diminuir a velocidade de transmissão do novo coronavírus. A entidade pede a flexibilização máxima da atividade econômica.

Entre os argumentos listados, a entidade empresarial destaca que gradativamente o regramento de controle da expansão da Covid-19 foi focando na suspensão das atividades econômicas – exceto as essenciais – como sendo o grande mecanismo para tal. Um equívoco que não foi revisto, apesar de inúmeros argumentos irrefutáveis levantados por municípios, entidades representativas, políticos e a população em geral. A CIC-VT também afirma que a reversão crescente da cor das bandeiras decorrente de recursos é sinal de que o programa, na sua configuração atual, está deteriorado.

No protocolo, a CIC-VT pede: a liberação imediata à responsabilidade das Associações de Prefeitos as medidas a serem adotadas no caso da classificação nas bandeiras vermelha e preta pelo programa estadual; permissão para as Regiões que têm Universidades com expertise para tal, conveniarem e passarem a valer-se destas no estabelecimento de Programas científicos para nortear seus controles de distanciamento para obstacularização da expansão do Covid-19; liberação da bandeira laranja para esta semana, entre outros itens.

Confira a íntegra do ofício ao governador

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui