Em projeto inédito, telhado da Escola Brincar Construindo de Forquetinha será retrátil

Abertura será automatizada e permite uso da área central com qualquer tipo de condição climática.


0
Foto: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Forquetinha

Idealizado pelo engenheiro civil Everson Kerbes, o telhado da nova escola de Educação Infantil Brincar Construindo será totalmente automatizado.

Segundo ele, a estrutura metálica retrátil (duas partes fixas nas laterais e duas partes móveis no centro), permitindo a abertura da cobertura a ser colocada na parte central, é considerado um projeto inédito na região na área da educação.

“Isso permite utilizarmos a área tanto em dias de sol como de chuva. Além disso, terá ventilação permanente, inclusive quando a cobertura estiver fechada, fundamental para melhorar o conforto de todos, tanto alunos, como professores”.

Conforme Kerbes, a ideia de utilizar uma estrutura retrátil foi definida em parceria com o secretário do Planejamento Vianei André Noll e a equipe da Educação.

Foto: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Forquetinha

“Vimos algo parecido na Expovale e entendemos que seria uma boa escolha para aproveitar bem o espaço para as horas de lazer e recreação das crianças, podendo ser aproveitado indiferentemente das condições climáticas.” As obras para colocação do telhado devem iniciar em janeiro e o investimento é de R$ R$ 73.552,97. Esta é a sétima etapa do projeto.

Recentemente também foi feita a instalação da mobília no prédio novo. O valor do investimento chegou a R$ 112mil, com recursos próprios. Foram colocadas mesas, balcões, portas, divisórias, armários, nichos e painéis. O prédio terá área total de 1.738 mil metros quadrados e capacidade para atender em torno de 120 alunos.

Desde o início da construção, o projeto recebeu um aporte acima de R$ 1,2 milhão em recursos próprios. AI/RC

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui