Em quase dois meses, quatro poços da Corsan de Estrela são alvos de arrombamento

Polícia Civil do município já abriu investigação para apurar os furtos


0

Há um mês e meio, quatro poços da Corsan de Estrela foram alvos de vandalismo e furto. O último arrombamento ocorreu por volta das 23h desta quinta-feira (19), no Bairro Imigrantes.

O gerente, Alexandre Scheid, explica que apesar de serem quatro endereços, foram seis incidentes. “A gente tem quatro endereços de poços, sendo que dois deles já sofreram dois incidentes, então são seis incidentes a cerca de um mês e meio”, comenta.

Ele lamenta os ocorridos porque causa um aumento de trabalho para a equipe, além de deixar a comunidade desabastecida. “Toda vez que isso acontece gera um trabalho, custo e problema muito grande, e desabastecimento da comunidade, por vezes quase todo município fica desatendido”, conta.

O gerente lembra que no último final de semana, devido ao arrombamento de um outro poço, quase toda a cidade ficou sem água, e fala que o trabalho que é feito após os vandalismos pode acabar tendo que se repetir pela possibilidade de novos ocorridos. “É bastante triste a gente fazer todo esse esforço e não saber como vai ser amanhã, porque quando estamos com o sistema recuperado e ficamos contentes que vamos conseguir atender toda a população. No dia seguinte podemos estar com o poço de novo fora de operação por esse tipo de situação”, desabafa.

O delegado de Polícia Civil de Estrela, Juliano Stobbe, disse que abriu investigação para apurar os furtos, mas não pode dar mais detalhes para não interferir no trabalho.

Texto: Caroline Silva
jornalismo@independente.com.br


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui