Empresa incubada na Univates classifica-se pelo segundo ano consecutivo em programa de incentivo à indústria gaúcha 

Pmetric System desenvolve uma solução tecnológica de rastreamento de objetos em tempo real


0
Foto: Divulgação

Com alto potencial de inovação, com o emprego de tecnologias de vanguarda e considerado pela banca avaliadora como um projeto de alto impacto econômico em nível nacional, a Pmetric System, empresa incubada na Inovates, a Incubadora Tecnológica da Univates, foi aprovada pelo segundo ano consecutivo no Edital Gaúcho de Inovação para a Indústria (EGII) 2021. O projeto é desenvolvido no Parque Científico e Tecnológico do Vale do Taquari – Tecnovates. A Pmetric é uma startup de base tecnológica que atua com sistemas de localização indoor de pessoas e objetos. 

O valor total conquistado pela Pmetric neste edital é de R$ 328.627,56, distribuídos nos 15 meses de sua duração. Somando este valor com o do projeto de 2020, o total investido pelo Edital na iniciativa em incubação na Univates contabiliza o valor de R$ 628 mil.  

O objetivo do edital é disponibilizar a equipe de especialistas e a infraestrutura do Sistema “S” para ajudar a empresa a inovar. O propósito é manter a competitividade da indústria gaúcha, trazendo crescimento e modernização ao setor. 

Segundo o CEO da Pmetric, Rodrigo Westenhofer, o objetivo do projeto submetido é desenvolver um sensor que se integra a tecnologias indoor e outdoor de baixo custo, com precisão de 1 metro em áreas abertas – pátio de empresas, por exemplo. Com isso é possível coletar informações jamais vistas utilizando os meios tradicionais, como planilhas e banco de dados, bem como catracas e portarias. 

O sistema traz benefícios como o aumento da produtividade e maximização da segurança. “A previsão é disponibilizar a solução de rastreabilidade para os setores da indústria, logística e hospitalar no segundo semestre de 2021”, explica Westenhofer.

Aplicações e benefícios da tecnologia desenvolvida pela Pmetric: 

  • Localização precisa e em tempo real de container em áreas portuárias ou pátios de armazenamento; 
  • Automação da entrada e saída de caminhões no pátio; 
  • Tempo de permanência de veículos em docas (carregamento, manutenção); 
  • Localização de pessoas e ativos com precisão e em tempo real; 
  • Controle de acesso a áreas controladas com envio de alertas (por app, e-mail, relatórios); 
  • Controle de permanência em ambiente produtivo e improdutivo; 
  • Controle de permanência em câmaras frigoríficas O mercado foco inicial são concessionárias de caminhões, empresas do eixo logístico, varejo e hospitais do estado do Rio Grande do Sul.

Edital Gaúcho de Inovação para a Indústria

O edital novamente é uma promoção do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Instituto Euvaldo Lodi (IEL), Serviço Social da Indústria (Sesi) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) do Rio Grande do Sul. A coordenação e validação do projeto ficam sob supervisão do Sebrae Mecatrônica de Caxias do Sul, com a parceira tecnológica Altus Sistemas de Automação de São Leopoldo. AI/VM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui