Estado e municípios definem novo cálculo de distribuição de vacinas contra a Covid

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 8h


0
Foto: Divulgação

Muito perto de completar 100% de imunização para a população com 18 anos ou mais, governo do Estado e municípios decidiram nova proposta de distribuição de vacinas contra a Covid-19. O cálculo levará em conta quantas doses para primeira aplicação cada cidade ainda precisa receber. O cálculo levará em conta todas as remessas já distribuídas. Amanhã quarta-feira, o Estado distribuirá às 18 coordenadorias regionais de saúde cerca de 200 mil doses de Pfizer e cerca de 40 mil de CoronaVac que chegaram ao Estado entre sábado e segunda./Correio do Povo

Inova RS lança edital de R$ 4 milhões para projetos de inovação

No mês em que o programa Inova RS completa dois anos, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia (Sict), lançou, nesta segunda-feira (16), o Edital 001/21. De acordo com o secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luís Lamb, o edital tem intuito de fomentar projetos estratégicos no Rio Grande do Sul.O prazo para a submissão das propostas será de 45 dias contados da publicação do edital no Diário Oficial do Estado (DOE). O prazo para a execução dos projetos é de 18 meses./SECOM RS

Bolsonaro deve entregar pedido de impeachment de Barroso e Morais no Senado

O presidente Jair Bolsonaro deve entregar o pedido de impeachment dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes no congresso. Bolsonaro vai entregar pessoalmente para o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, o pedido do impeachment dos ministros do STF. O senador deve receber o presidente e o pedido./CNN

Estado lança plataforma para agendamento de doadores de sangue

O Departamento Estadual de Sangue e Hemoderivados lançou, nesta segunda-feira (16), uma plataforma on-line para agendamento de doadores. A assistente social de captação de doadores do Hemocentro do Estado do Rio Grande do Sul Roberta Abbad , comenta a medida. A plataforma também será implementada nos demais hemocentros da rede estadual de sangue, sediados em Passo Fundo, Santa Maria, Pelotas, Alegrete, Caxias do Sul, Santa Rosa e Cruz Alta./SECOM RS

Itamaraty afirma que não há brasileiros no Afeganistão

O Ministério das Relações Exteriores emitiu nota oficial, na noite desta segunda-feira (16), em que informa não haver registro de cidadãos brasileiros residindo ou em trânsito no Afeganistão. O país do Oriente Médio vive um momento de caos completo com a tomada do poder pelo grupo fundamentalista islâmico Talibã, pouco mais de um mês após o início da retirada das forças militares dos Estados Unidos, que ocuparam o país em uma guerra que durou 20 anos./Correio do Povo

CPI da Covid suspende acareação entre Onyx Lorenzoni e Luís Miranda

A cúpula da CPI da Covid decidiu, em reunião na noite desta segunda-feira (16), suspender a acareação entre o ministro do Trabalho, Onyx Lorenzoni, e o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF). A reunião para confrontar as versões do ministro e do parlamentar sobre notas fiscais internacionais da negociação entre o Ministério da Saúde e a Precisa Medicamentos, para a compra da vacina Covaxin, estava prevista para esta quarta (18)./LF

Justiça nega queixa-crime de Aras contra professor da USP

A Justiça Federal no Distrito Federal rejeitou uma queixa-crime apresentada pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, contra o professor de direito da Universidade de São Paulo (USP) Conrado Hübner Mendes. Aras queria que o docente respondesse por injúria e difamação, devido a críticas feitas ao trabalho do PGR, nas redes sociais e no jornal Folha de São Paulo./G1

PGR abre investigação preliminar sobre ataques ao sistema eleitoral

O procurador-geral da República, Augusto Aras, informou nesta segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF) que abriu uma investigação preliminar para apurar se o presidente Jair Bolsonaro cometeu irregularidade ao atacar o sistema eleitoral. A manifestação foi enviada depois que a ministra Cármen Lúcia renovou a ordem para a Procuradoria Geral da República enviar um parecer sobre a notícia-crime levada ao tribunal por parlamentares da oposição ao governo. O prazo estabelecido para resposta havia sido de 24 horas./Corroio do Povo.

Produção e apresentação: Luís Fernando Wagner
Próxima edição: Hoje, ao meio-dia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui