Estado recebe primeira remessa de vacinas da Pfizer nesta segunda

O voo que transportou o primeiro lote de vacinas da Pfizer para o RS aterrissou em Porto Alegre às 19h35


0
Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini

O primeiro lote de vacinas Pfizer/Biontech chegou a Porto Alegre na noite desta segunda-feira (3). O avião que transportou a carga pousou às 19h35, vindo do aeroporto de Guarulhos. As 32.760 doses serão distribuídas na terça-feira (4/5) para postos de saúde da capital, destinadas a completar a imunização de idosos e avançar na vacinação do grupo de pessoas que têm comorbidades.

Por questão de logística e conservação, essa primeira remessa será utilizada apenas em Porto Alegre, integralmente destinada à aplicação da primeira dose. A maior diferença desta vacina para as que já estão em uso no Estado (Coronavac e Astrazeneca) é que as doses precisam ser mantidas congeladas a uma temperatura de -80 ºC, sendo necessário o uso de ultrafreezers. O transporte requer caixas próprias com 31 quilos de gelo seco, onde os frascos podem ficar armazenados por até 30 dias, desde que o gelo seco seja trocado a cada cinco dias.

No município, as doses ainda poderão ser mantidas por até 14 dias a -20ºC, temperatura atingida por um freezer comum. No momento em que já se encontrarem nos postos de saúde e nas salas de vacina, poderão ficar por até cinco dias em refrigeração entre 2ºC e 8ºC (geladeira comum). Isto dá uma vida útil de até 49 dias após a retirada do ultrafreezer. Em um segundo momento, quando da vinda de próximas remessas, elas serão distribuídas para as 18 Coordenadorias Regionais de Saúde (CRSs), com os mesmos cuidados de refrigeração.

Fonte: Governo RS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui