Estados Unidos admitem que mataram dez civis em ataque de drones em Cabul

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 18h


0

Uma investigação militar dos Estados Unidos, sobre o ataque de drones realizado em Cabul, no Afeganistão, revelou que as dez pessoas mortas, e o motorista do veículo alvo, eram civis e nenhum deles o suposto homem-bomba Estado Islâmico-K que estava sendo procurado. O general Frank McKenzie, principal superior do Comando Central do país, em anuncio no Pentágono, nesta sexta-feira (17), disse que o ataque foi um “erro” e pediu desculpas. “Este ataque foi realizado com a convicção de que evitaria uma ameaça iminente às nossas forças e aos evacuados do aeroporto, mas foi um erro e ofereço minhas sinceras desculpas”, afirmou McKenzie. McKenzie ainda confessou que é “totalmente responsável por este ataque e por este resultado trágico”. Em 29 de agosto, a primeira versão dos EUA sustentava que pelo menos um combatente do Estado Islâmico-K e três civis foram mortos, no que o presidente da Junta de Chefes, general Mark Milley, havia chamado de “ataque justo”. Na preparação para o ataque, os operadores dos drones vigiaram o local de 4 a 5 minutos. Nesse tempo, o motorista saiu do veículo. Haviam crianças no veículo e perto do local –como a família Ahmadi havia informado à CNN. Os militares basearam o ataque em um padrão de “certeza razoável” para acertar o veículo. Entretanto, o alvo estava errado, disse à CNN um oficial militar dos EUA que está na investigação. Ele acrescentou que nenhuma “certeza razoável” é 100% de certeza. Anteriormente, o Comando Central dos EUA apontou “explosões secundárias significativas” como evidência de uma “quantidade substancial de material explosivo” no veículo. A fonte do Exército norte-americano disse que, após revisar as imagens dos sensores infravermelhos, eles não caracterizariam mais isso como uma única explosão –em vez disso, foram várias explosões ao mesmo tempo. A fonte ainda revelou que antes do ataque, os Estados Unidos tinham pelo menos 60 relatórios de inteligência diferentes sobre fluxos de ameaças contra as forças americanas no Aeroporto Internacional Hamid Karzai, em Cabul. Fonte: CNN

Sexta-feira com 21 óbitos e 1.215 novos casos de covid no RS

O Rio Grande do Sul registra nesta sexta-feira (17), 21 óbitos e 1.215 novos casos de covid. Agora, o Estado chega a um total de 1.422.778 casos confirmados. Desses, 1.385.799 são considerados recuperados (97,3%); em acompanhamento, 2.311 casos ativos (0,1%); e 34.575 morreram em decorrência do coronavírus (2,4%). Às 17h desta sexta-feira (17), 57,1% dos leitos de UTI do estado estavam ocupados. Eram 1.886 pacientes para 3.301 leitos disponíveis.

Vacinação em Lajeado será retomada na próxima terça-feira

Neste fim de semana e no feriado da Revolução Farroupilha, entre os dias 18 e 20 de setembro, não haverá vacinação contra a Covid-19 em Lajeado. Na terça-feira (21), a vacinação será retomada com a aplicação de primeiras para pessoas acima de 18 anos e segundas doses. Caso ocorra alguma alteração no grupo a ser vacinado, a comunidade será informada até segunda-feira por meio do site e das redes sociais do município e no portal de notícias independente.com.br

Secretaria da Saúde e Cosems divulgam comunicado sobre vacinação de adolescentes

A Secretaria da Saúde e o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems/RS) divulgaram, nesta sexta-feira (17), nota conjunta sobre a vacinação de adolescentes no Estado, em função de mudança de regras anunciada pelo Ministério da Saúde (MS). No documento, as duas instâncias reforçam que começaram a vacinar os adolescentes sem comorbidades no Estado no prazo indicado pelo MS, 15 de setembro, e que têm interesse em continuar imunizando esse público, desde que garantidas as doses necessárias. Fonte: Governo RS

Portaria que dá proteção legal à terra onde dois indígenas vivem isolados é renovada pela Funai por mais 6 meses em MT

A portaria que dá proteção legal à Terra Indígena Piripkura, localizada em Colniza e Rondolândia, no norte de Mato Grosso, foi renovada pela Fundação Nacional do Índio (Funai) por mais seis meses. O documento foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (17). A decisão impede que a área onde vivem dois indígenas isolados volte a ser invadida por garimpeiros. Pelo menos oito cooperativas e empresas de garimpo pediram autorização para a Agência Nacional de Mineração (ANM) para explorar o subsolo do entorno da Piripkura e aguardam retorno. Fonte: G1

Governo gaúcho lançará Política de Saúde da Pessoa Idosa com foco no envelhecimento saudável

A Política Estadual de Saúde da Pessoa Idosa (Pespi) será lançada pela Secretaria da Saúde do Rio Grande do Sul na terça-feira (21), às 9h30min, em evento on-line. A transmissão será realizada pelo canal da pasta no Youtube. Haverá uma palestra do médico geriatra Edgar Nunes de Moraes, que é professor da Universidade Federal de Minas Gerais e consultor do Conselho Nacional de Secretários de Saúde. A nova diretriz estadual, com as proposições atuais da OMS (Organização Mundial da Saúde) e da Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa, do Ministério da Saúde, foi publicada no Diário Oficial do Estado, por meio da Portaria 444/2021, depois de 17 anos do lançamento da anterior. Fonte: O Sul

Governo garante que Bolsa Família sobe para R$ 300 ainda neste ano

O secretário especial do Tesouro e Orçamento do Ministério da Economia, Bruno Funchal, afirmou nesta sexta-feira (17) que o governo prevê elevar o benefício médio do Bolsa Família dos atuais R$ 189 para cerca de R$ 300 em novembro e dezembro deste ano. Para que isso seja possível, afirmou ele, o presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira (16) decreto para elevar, até o fim de 2021, a alíquota do IOF –Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários. Além de aumentar o valor, o governo informou que a alta do IOF também permitirá ampliar para 17 milhões o número de famílias beneficiadas. Atualmente, 14,6 milhões de famílias recebem o benefício. Fonte: G1.

Alemanha libera entrada de brasileiros vacinados com Coronavac

A Alemanha anunciou, nesta sexta-feira, que o Brasil foi retirado da lista das áreas consideradas de alto risco e a população imunizada com a vacina Coronavac não será mais obrigada a cumprir quarentena a partir de domingo. De acordo com a decisão, os brasileiros deverão apresentar apenas um teste PCR com resultado negativo para o coronavírus, comprovante de vacinação ou declaração de que tiveram a doença e se recuperaram. O Brasil, assim como a Índia e a África do Sul, estão entre os 14 países que deixaram de ser considerados de alto risco pelo governo alemão. Assim como a Alemanha, o Reino Unido também simplificou suas regras para viagens internacionais hoje, atendendo às reclamações de viajantes e empresas de que as regulamentações destinadas a evitar a disseminação da doença eram ineficazes.Fonte: Correio do Povo

Feriado altera horários de atendimento de supermercados da região

Os supermercados do Vale do Taquari irão atender com horários diferenciados na segunda-feira (20), por conta do feriado da Revolução Farroupilha. Mesmo com as alterações, os únicos que fecharão as portas são supermercados STR e Dália, os demais, manterão ativo o atendimento. Na quarta-feira (8), todos terão expediente normal. VM

Prefeitura do Rio libera público nos estádios com metade da ocupação

O público poderá voltar aos estádios do Rio de Janeiro a partir da próxima terça-feira (21), informou a prefeitura da cidade, que liberou metade da capacidade de ocupação das arenas esportivas. A medida exige que todos os torcedores estejam com esquema vacinal completo para acessar os estádios e ginásios esportivos. O uso de máscara e a manutenção do distanciamento serão obrigatórios. Na capital, mais de 95% dos adultos já tomaram a primeira dose da vacina e mais de 60% concluíram o ciclo vacinal. A prefeitura promoveu essa semana um evento teste no Maracanã no jogo entre Flamengo e Grêmio pela Copa do Brasil. Estavam autorizados a acessar o estádio cerca de 25 mil torcedores, mas o público presente foi de pouco mais de 6 mil pessoas. Fonte: Agência Brasil

Produção e apresentação: Rita de Cássia


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui