Estrela comunica suspensão das aulas presenciais nesta terça-feira

Município mantém atividades para escolas públicas e privadas durante esta segunda (26)


0
Alunos buscaram atividades na manhã desta segunda-feira (26) na escola Leo Joas (Foto: Gabriela Hautrive)

Devido à decisão do desembargador Luiz Felipe Silveira Difini, às 23h30 deste domingo (25), que manteve a decisão da juíza Cristina Luiza Marquesan, suspendendo as aulas presenciais em todo Rio Grande do Sul, a Prefeitura de Estrela decidiu pelo cumprimento da ordem judicial e comunicou a suspensão das aulas presencias a partir desta terça-feira (27). Porém, nesta segunda (26), as escolas estão com atendimento aos alunos, tanto na rede privada como pública.

Na parte da manhã, procurada pela reportagem, a prefeitura, através de sua assessoria de imprensa, respondeu que não se manifestaria sobre o assunto antes do julgamento no Tribunal de Justiça do RS marcado para às 18h desta segunda-feira (26).

Ao ser questionada sobre o porquê de manter as atividades nesta segunda, a assessoria respondeu que as escolas já estavam preparadas com merenda escolar e transporte público para receber seus alunos, a partir da liberação dada pelo governo na última sexta-feira (23). Como a suspensão foi comunicada no domingo (25), não havia mais tempo para fazer o remanejo. A tendência é de que a prefeitura siga, a partir de amanhã, as regras que forem estabelecidas após a reunião virtual.

O governo do Rio Grande do Sul informou na manhã desta segunda-feira (26) que as aulas presenciais no Estado estão suspensas. A retomada das classes foi motivo até de protestos nesse domingo depois que durante a tarde a 1ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre manteve como válida uma decisão liminar prévia, que suspendeu a volta dos alunos às salas de aula no território gaúcho no período em que estiver vigorando a bandeira preta no Distanciamento Controlado, mesmo com a flexibilização de protocolos relacionados ao combate da Covid-19.

Texto: Gabriela Hautrive
reportagem@independente.com.br

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui