Falecimento de zelador do Gustavo Adolfo gera homenagens da comunidade escolar

Funcionário atuava há 10 anos no Educandário e faleceu por complicações da Covid-19


0
olega Wilmar Käfer se emociona ao lembrar do amigo (Foto: Júlio César Lenhard)

O falecimento de um senhor de 63 anos de idade, por complicações da covid-19, gerou homenagens da comunidade escolar do Colégio Sinodal Gustavo Adolfo, situado no bairro São Cristóvão em Lajeado.


OUÇA A REPORTAGEM 


Tio Luiz e sua família (Foto: Júlio César Lenhard)

Luiz Otávio Capra, por 10 anos foi porteiro e zelador da instituição, chegou a ser afastado por alguns meses do trabalho por precaução em função da pandemia. Esse ano foi religado ao Educandário e apenas conseguiu trabalhar por três dias, quando não se sentiu bem e foi encaminhado para receber atendimento. Mal sabia ele que jamais voltaria a ver os colegas e alunos que tanto gostava. O apreço era recíproco por parte dos alunos, colegas e famílias dos estudantes. Prova disso foram as diversas homenagens feitas durante a semana, já que o colégio decretou três dias de luto oficial de segunda-feira (22) à quarta-feira (24). “Era uma pessoa de confiança, muito querida e principalmente uma pessoa de muita paz, e nos faz muita falta, é muito doloroso perder alguém assim”, afirma o diretor do colégio Gustavo Adolfo, Edson Wiethölter.

Foto: Reprodução / Arquivo

O diretor conta ainda que foram realizadas homenagens, momentos de oração durante todo o dia e noite, quando familiares e amigos vinham até à frente da escola e além de lembrar do Tio Luiz, deixavam algum cartaz ou enfeite expostos na fachada da escola para lembrar do ente querido.

Uma das pessoas que mais conviveu com Luiz, foi o colega Vilmar Käfer, e também o porteiro da escola. O colega de 69 anos, está também há 10 anos trabalhando na instituição e lembra com carinho e emoção do amigo. “Uma pessoa do bem, que podia confiar e que era muito querido por todos aqui, nunca teve problemas com ninguém, perco um grande amigo e uma pessoa exemplar”, conta Käfer.

Vilmar Käfer (Foto: Júlio César Lenhard)

Nesta terça-feira (23), foi realizado um culto de forma virtual em homenagem a Capra. O mesmo ocorreu desta forma em função da pandemia de covid-19.

Quem passa pela Rua Washington Luiz, no bairro São Cristóvão em frente à escola, percebe cartazes com frases que citam tio Luiz, feitos à mão em sua maioria por jovens e crianças estudantes.

Texto: Júlio César Lenhard

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui