Falso professor de teatro é condenado por estupro em Lajeado

Os fatos ocorreram em 2018, enquanto ele se dizia professor de teatro, e que seria formado pela PUC. A investigação descobriu que o sujeito não possui sequer o ensino médio


0

Um indivíduo que se fez passar por professor de teatro em Lajeado foi condenado por estupro de vulnerável e violação sexual mediante fraude. O indivíduo de 28 anos de idade foi capturado na tarde desta quinta-feira (2) pela Brigada Militar no Bairro Montanha, em Lajeado.

Conforme a delegada titular da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) de Lajeado, Márcia Bernini Colembergue, o indivíduo foi condenado a 14 anos, dois meses e 15 dias de reclusão em regime inicial fechado.

Ainda de acordo com a delegada, os fatos ocorreram no ano de 2018, enquanto ele se dizia professor de teatro, e que seria formado pela PUC. A investigação descobriu que o sujeito na época sequer possuía o ensino médio.

O homem foi enquadrado por estupro de vulnerável por ter abusado de uma menor de 14 anos e violação sexual mediante fraude por ter ludibriado outras vítimas a manterem relações com ele por vontade própria.

Após as formalidades de praxe, o sujeito foi recolhido ao Presídio Estadual de Lajeado. MS


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui