Família tem papel fundamental em acolher e dar suporte às crianças autistas

Aline Silva conversa com a Ana Emília Carminatti. Ela é mãe do Miguel, de 6 anos, que tem autismo


0

Neste sábado (24) no programa Papos de Mulher, a apresentadora Aline Silva conversou com a Ana Emília Carminatti. Ela é mãe do Miguel, de 6 anos, que tem autismo. Ela é formada em filosofia e pedagogia, e atualmente realiza especialização em Transtorno do Espectro Autista. Ana integra também a ONG Azul Como o Céu, associação pró-autismo de Lajeado e Região. “É um assunto urgente, e muito novo ao mesmo tempo”, observa.


ouça a entrevista

 


“Quando nasce uma criança atípica, nasce uma família. Essa família é a primeira instituição que tem que acolher essa criança, que tem que mostrar para a sociedade e dizer: ‘ela é a nossa criança, nós vamos cuidar dela e vocês, por favor, respeitem e nos apoiem. Não nos julguem'”, argumenta.

Como mãe, Ana Emília recebeu o diagnóstico de autismo do pequeno Miguel após perceber um atraso na fala. Ela explica que o desenvolvimento ocorria de forma tranquila, mas, com um ano e meio, ele não falava. Foi então que ela conversou com a família e buscou ajuda.

Ana defende que os pais observem com cuidado os marcos de desenvolvimento de cada criança. Para ela, aquela frase de que “cada criança tem seu tempo” é problemática, porque pode fazer com que as famílias busquem o acompanhamento tardiamente.

VÍDEO: Assista ao programa na íntegra


Douglas Petry (Foto: Divulgação)

Estilo, com Douglas Petry

O jornalista e consultor de estilo Douglas Petry aborda moda, arte, decoração, estilo e bom gosto todos os sábados no Papos de Mulher, dentro do quadro “Estilo”.

Hoje ele volta a falar sobre regras de etiqueta, após um debate originado sobre um post em redes sociais.

Douglas destaca que as regras se atualizam conforme o passar do tempo. “As regras de etiqueta ou bons modos são regras civilizadas de a gente conseguir se portar bem e conseguir conviver com outro, seja lá onde a gente estiver e quando a gente estiver.”

 


Papos com quem sabe

O quadro “Papos com quem sabe” deste sábado (24) tem a participação da Tainá Gross. Ela é estudante de psicologia, educadora parental e criadora de conteúdo digital. Nesta edição ela aborda uma dúvida super comum das mães: “como fazer o pai da criança entender a minha forma de educar?”.

Segundo orienta Tainá, é preciso fugir do ímpeto de tentar convencer o outro de que a minha forma é a correta.

Ela indica ter clareza sobre os pontos que a mãe defende na educação dos filhos, e conversar com o pai para para chegar ao caminho do meio. A educadora parental sugere ilustrar com exemplos e respeitar o outro sem ferir nossos valores. Ouça!

 


Na Cozinha: Bolo Bombocado

com Daniel Bortolini

 

Ingredientes

  • 3 ovos
  • 1 lata de leite condensado
  • 200ml de leite de coco
  • 2 colheres (sopa) óleo de soja
  • 200g de coco ralado
  • 4 colheres (sopa) queijo parmesão ralado
  • 4 colheres (sopa) farinha de trigo
  • 1 colheres (sopa) fermento químico

Preparo

Misturar todos os ingredientes, deixando a farinha e fermento por último. Nem precisa ser no liquidificador ou batedeira. Assar em forno preaquecido a 180ºC por aproximadamente 45 min.

Receita e imagem: panelaterapia.com.br


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui