O Festival de Cannes inicia nesta quarta-feira sua 70ª edição, dominada por atrizes como Nicole Kidman, Julianne Moore e Jessica Chastain, e precedida pelo anúncio de um documentário de Michael Moore sobre Donald Trump.


Ouça o quadro


Pela primeira vez um espanhol será o presidente do júri que anunciará no dia 28 de maio a Palma de Ouro: o cineasta Pedro Almodóvar estará à frente de um grupo integrado, entre outros, pelos americanos Will Smith e Jessica Chastain, a chinesa Fan Binbing e a alemã Maren Ade.

Dezenove filmes – a maioria de diretores já consagrados em Cannes – estão na mostra oficial. Um dos favoritos é “Happy End”, do austríaco Michael Haneke, que pode se tornar o primeiro cineasta vencedor de três Palmas de Ouro, após os triunfos de “A Fita Branca” e “Amor”.

Sofia Coppola é uma das três mulheres na disputa, com “O Estranho que Nós Amamos”, inspirado em um filme de 1971 protagonizado por Clint Eastwood. O longa-metragem é protagonizado por Nicole Kidman e Colin Farrell, dupla que também está presente em “The Killing of a Sacred Deer”.

A atriz vencedora do Oscar, de 49 anos, é o grande nome desta edição do festival, pois também está presente em outras duas produções: “How to Talk to Girls at Parties”, que será exibida fora de competição, e a série de TV “Top of the Lake”, da diretora neozelandesa Jane Campion.

“Nuncnca antes havíamos convidado tantas estrelas internacionais”, afirmou o presidente do Festival, Pierre Lescure.

Julianne Moore está em “Wonderstruck”, do americano Todd Haynes, enquanto a francesa Isabelle Huppert é a protagonista de “Happy End”. Também são aguardadas figuras como Uma Thurman, Kirsten Dunst, Joaquin Phoenix, Dustin Hoffman e o diretor mexicano Alejandro González Iñárritu, que apresentará o curta-metragem de realidade virtual “Carne e areia.”

No cinema de Lajeado seguem em cartaz os filmes: Alien: Covenant, Guardiões da Galáxia Vol. 2, Velozes e Furiosos 8, A Cabana e O Poderoso Chefinho. RG/UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui