Forquetinha retoma aulas presenciais dos Anos Finais

Escola atende normas de segurança e testou profissionais para iniciar as aulas presenciais.


0
Foto: Divulgação

O município de Forquetinha retomou as aulas presenciais para alunos dos Anos Finais (6º ao 9º) nesta quarta-feira (28). De um total de 89 alunos matriculados, 43 voltaram a frequentar a as salas de aula. Já no dia 12 de novembro retornam os anos iniciais (1º a 5º), no período da tarde, das 13h15 às 17h15. O limite máximo de atendimento é de 50% da capacidade do total de matriculados em cada turma. A Secretaria Municipal de Educação realizou reuniões para discutir o retorno seguro às atividades. Também são seguidos rígidos critérios de segurança estabelecidos pelo Estado.

As salas foram higienizadas, possuem álcool gel e professores receberam equipamentos como máscaras e demais EPIs para garantir a total segurança de todos. Além disso, todos os profissionais e funcionários foram testados, sendo que nenhum caso positivo de Covid-19 foi verificado.

De acordo com a secretária municipal da Educação, Janete Clair Müller Krüger, a volta das aulas presenciais permite o retorno ao convívio social entre alunos e professores, fundamental para qualificar o ensino e promover o aprendizado. “Com todas as normas adotadas e cuidados extremos com a higiene e segurança, os estudantes e demais envolvidos estarão seguros.”

Medidas adotadas

Além do uso de máscaras, todos devem respeitar o distanciamento social. Ainda foram colocados tubos de álcool gel em todos os ambientes, álcool 70%, tapetes sanitizantes, fitas demarcando os espaços a serem ocupados, compradas viseiras de acrílico para professores e funcionários, além da medição de temperatura na entrada.

Os bebedouros foram lacrados e cada sala receberá apenas 50% da capacidade total. Os espaços são higienizados várias vezes ao dia. Os primeiros a retornarem foram os alunos da Escola de Educação Infantil, com idade entre zero e 5 anos.

Decreto

A volta das aulas presenciais começou a ser discutida ainda em julho com a formação de um grupo de trabalho, onde participam profissionais de saúde e de educação. Aos pais que não autorizarem o retorno dos filhos, o material será entregue de forma remota ou diretamente nas casas.

O decreto municipal (1.478, de 25 de setembro de 2020) onde constam todas as regras pode ser acessado no site www.forquetinha.rs.gov.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui