França sacrifica 10 milhões de aves para tentar conter gripe aviária

Desde o primeiro caso registrado no norte do país no final de novembro, o vírus se propagou por cerca de 1 mil fazendas


0
Imagem meramente ilustrativa; o vírus se propagou por cerca de 1 mil fazendas (Imagem: Peter Garrard Beck/Getty Images)

A França sacrificou dez milhões de aves de criadouro desde novembro passado para tentar conter a gripe aviária, um balanço maior do que nos anos anteriores, devido a um surto sem precedentes no oeste da França, informou o Ministério da Agricultura hoje.

Desde o primeiro caso registrado no norte do país no final de novembro, o vírus se propagou por cerca de 1 mil fazendas. Quase metade dos animais foi abatida na região do Pays de la Loire (oeste), o segundo maior território de criação de aves depois da Bretanha.

Em geral, as crises ligadas à gripe aviária se concentram no sudoeste, em especial nas granjas de patos para a produção de foie gras. Em 2021, quase 500 focos foram registrados, e 3,5 milhões de animais, principalmente patos, sacrificados.

No total, 34 países europeus foram afetados pelo vírus este ano. Além da França, a gripe aviária atingiu, sobretudo, o norte da Itália, com 18 milhões de animais abatidos.

Fonte: UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui