Funcionárias de fábrica em Imigrante protestam devido à falta de energia ao chegar para trabalhar

Trabalhadoras ficaram das 9h ao meio-dia desta segunda paradas; proprietário optou por alugar um gerador para conseguirem dar andamento ao serviço


8
Funcionárias fizeram protesto com cartazes na manhã desta segunda-feira (Foto: Caroline Silva)

As 30 funcionárias da fábrica RDR Calçados, no bairro Esperança, em Imigrante, chegaram para trabalhar nesta segunda-feira (17) mas foram novamente surpreendidas pela falta de energia que perdurou das 9h ao meio-dia na empresa. Em protesto, elas fizeram cartazes contra a RGE e pediram soluções.


OUÇA A REPORTAGEM 


A funcionária Geneci de Souza dos Reis, que atua na fábrica há quase três anos, fala que temem por perder o emprego. “A gente vem para trabalhar e essa constante falta de energia atrapalha a gente e nosso patrão. Será que a RGE vai pagar nosso prejuízo e o prejuízo da empresa? A gente depende do trabalho para sustentar nosso lar e não podemos trabalhar”, reclama.

Proprietário da empresa Velas Imigrante, Cleibler Jair Mattuella, irá protocolar um abaixo-assinado (Foto: Caroline Silva)

O proprietário Elisteu Fernandes, diz que a solução encontrada foi alugar um gerador de energia, que chegou na tarde desta segunda. O serviço vai custar o total de R$ 6 mil. “Devido meu desespero tive que alugar um gerador. Claro que vai encarecer mas acredito que vou conseguir trabalhar por uns dias”, expõem.

Fernandes, que possui a empresa em Imigrante desde 2013, fala que teme perder os fornecedores devido o não cumprimento de prazos por causa da falta de energia. Conforme ele, desde novembro, duas vezes na semana ficam sem luz. “Isso já vem acontecendo há meses, sendo que eu to perdendo muita produção e correndo risco de não ter mais o fornecedor pelo fato de eu não estar conseguindo entregar nas datas”, lamenta.

Na tarde desta segunda, enquanto a reportagem estava na fábrica, novamente faltou energia (Foto: Caroline Silva)

Mesma situação

A alguns metros da fábrica de calçados, outra empresa que sofre com a constante falta de energia é a Velas Imigrante. O proprietário Cleibler Jair Mattuella, diz que vai protocolar um abaixo-assinado. “Tenho mais de 50 assinaturas contra a RGE e daqui uns dias vamos protocolar porque eu reclamar é uma coisa, mas quando a comunidade se posiciona, é outra”, afirma.

Segundo ele, falta energia em sua empresa três vezes por semana. “Dependemos da luz porque nossos equipamentos são ligados a luz com termo sistema e sistema de gás, então três vezes por semana falta luz e demora para retornar, já chegamos a ficar 48h sem luz, e quase alugamos um gerador”, conta.

O que diz a RGE

Procurada pela reportagem, a concessionária enviou uma nota oficial. “A RGE informa que após consultar o histórico do cliente informado, foram identificadas oito ocorrências de interrupção do fornecimento de energia entre novembro de 2021 até o dia 10 de janeiro de 2022, sendo quatro delas de curta duração. A RGE afirma ainda que a maioria das ocorrências, incluindo as de longa duração, foram causadas por eventos não gerenciáveis pela empresa, como vento e árvores ou animais em contato com a rede de distribuição de energia elétrica”.

Texto: Caroline Silva
jornalismo@independente.com.br

8 Comentários

  1. Esses cara da Rge são cara de pau mesmo, aqui é assim direto, quando dá uma ocorrência demoram quatro horas pra resolver o problema, isso quando eles resolvem vir.

  2. O povo do RS votou no sr Eduardo Leite, e o governador privatizou o que ainda funcionava no setor de energia elétrica….e o povo queria acabar com os “marajás ” da CEEE, agora reclamam da RGE, Equatorial, pous os serviços PIORARAM

    • É bem assim, acham que privatizar melhora alguma coisa, ledo engano. Se houvesse interesse do governo em melhorar os serviços, deveriam acabar com os monopólios.

  3. Trabalhei nessa empresa as desculpas dadas são as mais variadas a culpa nunca e da empresa sempre tem algum fator externo para usarem como muleta.

  4. O Governo Gaucho não Privatizou a CEE, simplesmente VENDEU para outra ESTATAL uma CHINESA.
    Para reclamar temos que ir para a CHINA.
    Péssimo exemplo de GOVERNO.

  5. que piada , funcionárias protestando , eles dão Graças a Deus quando falta energia pra descansar um pouco, noticia fake.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui