Fundo para indenizar famílias de vítimas da Chapecoense terá mais R$ 54,3 milhões

Na primeira negociação, foi oferecido R$ 1.086.000, e nenhuma família aceitou


0
Foto: Agência Brasil / Reprodução

O fundo criado para indenizar as 71 famílias das vítimas do acidente aéreo da Chapecoense, ocorrido em 2016, vai receber um aporte de R$ 54,3 milhões — subirá de R$ 81,45 milhões para R$ 135,75 milhões. Os valores são negociados em dólar, cotado a R$ 5,43 nesta quarta-feira (6).

A informação foi divulgada pelo senador Jorginho Mello (PL-SC), presidente da comissão parlamentar de inquérito que investiga o caso. De acordo com o parlamentar, ele negociou o aumento com a seguradora Tokio Marine, em Londres, na terça-feira (5). A Embaixada do Brasil no Reino Unido também participou das tratativas. Segundo Mello, em 2017, a seguradora criou o fundo com objetivo de fazer acordo com os familiares das vítimas do acidente.

Na primeira negociação, foi oferecido R$ 1.086.000, e nenhuma família aceitou. Meses depois, o valor subiu para R$ 1.221.750, e cerca de 24 famílias decidiram aderir. Em contrapartida, quem acatou o acordo assinou um termo de quitação que impede qualquer ação judicial contra a companhia aérea LaMia e a seguradora Bisa.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui