Google é alvo de 3º processo nos EUA por práticas anticompetitivas

Ação envolve 38 estados e territórios americanos que alegam monopólio sobre os mecanismos de busca e os mercados publicitários


0
Foto: Reuters/Dado Ruvic/Illustration

Os procuradores-gerais de 38 estados e territórios americanos anunciaram nesta quinta-feira (17) um novo processo por práticas anticompetitivas contra a Google. A ação é a 3ª movida contra a gigante da tecnologia desde outubro, quando o Departamento de Justiça abriu um processo contra a empresa

. “Os estados alegam que a Google mantém ilegalmente seu poder de monopólio sobre os mecanismos de busca e os mercados publicitários relacionados por meio de uma série de contratos e de comportamentos anticompetitivos”, afirmou um comunicado do procurador-geral do Colorado, Phil Weiser, que lidera a ação.

Na quarta (16), 10 estados americanos anunciaram outro processo contra o Google por condutas anticompetitivas. A nova acusação é mais ampla do que os processos anteriores, pois descreve “múltiplas abordagens” do Google para manter o seu monopólio, segundo um comunicado.

A intenção das autoridades é combinar o caso movido por esses 38 estados com a ação do Departamento de Justiça. Na semana passada, outra gigante da tecnologia foi acusada de monopólio: a Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) e 48 autoridades estaduais anunciaram processos contra o Facebook. Além disso, nos últimos quatro anos, a União Europeia já condenou o Google três vezes por condutas anticompetitivas, forçando a empresas a pagar multas bilionárias.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui