Google presenteia funcionários com bônus de R$ 9 mil

Benefício acompanha a decisão de adiar o retorno ao trabalho presencial por causa do avanço da Ômicron, nova variante da covid-19


0
Foto: Reprodução

O final do ano para os funcionários do Google será mais gordinho. A empresa anunciou um bônus de R$ 9 mil para todos os colaboradores de todo o mundo. Estagiários e terceirizados também serão contemplados e o valor é uma espécie de “bônus do bem-estar” e ajudará com gastos do home office. Também é uma maneira de a empresa apoiar os trabalhadores em tempos de covid. Pesquisa mostrou queda no bem-estar dos funcionários do Google

A iniciativa se deu após uma pesquisa realizada em março com os 140 mil funcionários espalhados pelo mundo. Os dados mostraram uma relevante queda de bem-estar dos funcionários. O bônus é uma entre dezenas de iniciativas que a empresa tomou para melhorar esses resultados. Todos estão trabalhando home office e tiveram o retorno aos escritórios adiado após a variante Ômicron da covid.

Serão R$ 1,2 bilhão em bônus

Ainda que o valor total reservado para o benefício não tenha sido divulgado, a Exame estima que a conta chegue à casa dos US$ 224 milhões (em reais, 1,2 bilhão), já que o Google tem cerca de 140 mil funcionários espalhados pelo mundo.

No início da pandemia, a empresa ajudou funcionários com R$ 5 mil

Uma ajuda de US$ 1.000, quase 5 mil mil reais, no início da pandemia, foi contemplada pela empresa para os funcionários equiparem adequadamente seus espaços de trabalho em casa. A empresa também ofereceu treinamento e aulas virtuais para ajudar na transição para o trabalho em casa. Isso é crucial para nós a longo prazo, bem como do ponto de vista da saúde, garantindo que tenhamos a melhor oportunidade para cadeiras ergonomicamente corretas e monitores na altura dos olhos, por exemplo”, disse a chefe de bem-estar da empresa, Lauren Whitt, na semana passada.

Fonte: Com informações de Exame/Só Notíciau

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui