Governo da Jamaica faz campanha defendendo a produção de maconha

confira as informações correspondentes do meio-dia


0
Foto: Reprodução

O governo da Jamaica organizou uma campanha defendendo a produção da maconha e a cadeia produtiva da erva no país. Com a peça

, o Ministério da Saúde e Bem Estar jamaicano afirma querer acabar com mitos e promover o uso medicinal da droga. A maconha na Jamaica é liberada para uso medicinal desde 2018. No país, também é permitido fumar a erva para fins religiosos – a chamada ganja é usada em muitos rituais rastafári. G1

SP mantém uso de máscara em locais abertos e cancela Réveillon

O estado de São Paulo vai manter o uso obrigatório de máscara contra o coronavírus em locais abertos mesmo depois do dia 11, quando a liberação ocorreria segundo recomendação do governo. A decisão, baseada em recomendação do Comitê Científico do Governo, veio em seguida à confirmação de casos da variante ômicron no estado. Após o governador ter solicitado, na tarde dessa terça-feira (30), uma nova avaliação, o órgão técnico pediu a manutenção da obrigatoriedade do uso de máscara. Na recomendação, o comitê considerou que “há incertezas quanto ao impacto da variante ômicron às vésperas do fim de ano. Os períodos de Natal e do Réveillon costumam provocar grandes aglomerações, o que facilita a transmissão de doenças respiratórias como a Covid-19”. Correio do Povo

Canoas cancela festa de Carnaval em 2022

Uma reunião, nesta quarta-feira, entre o prefeito de Canoas, Jairo Jorge, e os integrantes do Conselho da Cidade, decidiu pelo cancelamento do Carnaval de 2022. Das 60 entidades que compõe o Conselho, 59 compareceram ao encontro e votaram, por unanimidade, pela não realização do evento. O motivo foi a chegada ao Brasil da nova variante do coronavírus, a ômicron. Para o prefeito, esta foi uma decisão importante para não colocar em risco a saúde da população. “Temos muito receio do que pode acontecer. Esta variante ainda é pouco conhecida e pode nos levar a perder toda mobilização de vacinação que desenvolvemos até o momento”, afirmou. Correio do Povo

Alemanha impõe lockdown para quem não se vacinou contra covid-19

A Alemanha decretou nesta quinta-feira (2) restrições às pessoas que não se vacinaram contra a Covid-19, já que tenta conter uma disparada dramática de infecções diárias pelo coronavírus exacerbada pela descoberta da variante Ômicron.
Entre as novas medidas decretadas, estão:
• Restrição do número de pessoas que podem se encontrar em ambiente fechado;
• Fechamento de boates e discotecas;
• Lockdown para todos nos não vacinados.
O país ainda tem planos para tornar a vacina obrigatória. G1

‘Eu vi acontecer, vi quando pegou a faísca’, conta sobrevivente que estava na frente do palco

O julgamento do incêndio da boate Kiss recomeçou às 9h desta quinta-feira (2) com mais seis depoimentos previstos para ocorrerem no Foro Central de Porto Alegre. Por volta das 11h, a sobrevivente do incêndio Jéssica Montardo Rosado, hoje com 33 anos, começou o segundo depoimento do dia. Ela estava na boate e perdeu o irmão no incêndio. Ele entrou para tentar salvar as pessoas e morreu intoxicado. Jéssica estava bem em frente ao palco quando o incêndio começou. O primeiro a ser ouvido foi Emanuel Pastl, hoje com 27 anos. Ele relembrou fatos sobre o início do incêndio. A tarde estão previstos para serem ouvidos outros três sobreviventes: Lucas Cauduro Peranzoni, Érico Paulus Garcia e Gustavo Cauduro Cadore e uma testemunha do Ministério Público (MP): Miguel Ângelo Teixeira Pedros. G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui