Governo do RS autoriza execução de projeto-piloto de Lajeado e retorno às aulas no final do mês no município

Neste momento, medida vale para os 3º anos de cinco escolas particulares do município.


3
Foto: Ilustrativa

O governo do estado deu retorno positivo à proposta de Lajeado para retorno das aulas ainda em julho. O projeto-piloto foi desenvolvido pela Prefeitura de Lajeado em parceria com escolas particulares do município e com a Univates. A iniciativa prevê a volta às aulas dia 20 de julho. No primeiro momento, a retomada envolve 160 alunos dos 3º anos do Ensino Médio das escolas privadas participantes. O protocolo conta com cronograma de testagens com alunos, professores e funcionários.

A testagem será por meio de um método desenvolvido pela Petrobras, Instituto Senai de Inovação em Química Verde e pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Este método foi cedido para aplicação pela Univates, em Lajeado, e permite ampliar a disponibilidade de testes de Covid-19 à população.

A autorização para o retorno parcial às aulas em Lajeado foi dada após reunião entre os representantes do município e secretarias estaduais de Saúde e Educação, nesta terça-feira (7), explica o diretor de Serviços em Saúde da Univates, Jairo Luís Hoerlle.


ouça a entrevista

 


Conforme ele, a ideia é aplicar testes de 15 a 18 de julho. “Lajeado vai ser a primeira cidade que vai fazer isso no Rio Grande do Sul e, provavelmente, no Brasil”, destaca.

Hoerlle pontua que o retorno não é obrigatório, é facultativo aos alunos. Os estudantes serão monitorados e terão as suas condições clínicas avaliadas periodicamente. “Se tudo estiver ‘ok’, avançamos”, comenta o diretor de saúde da Univates.

Diretor de Serviços em Saúde da Univates, Jairo Luís Hoerlle (Foto: Tiago Silva)

SAIBA MAIS:

Texto: Tiago Silva
web@independente.com.br

3 Comentários

  1. Parabéns. A vida Segue. até quem enfim alguem tomou uma atitude!!!
    0,47% não representa risco nenhum no RS.

  2. Primeiro passo para a volta as aulas, caso dê tudo certo acredito que será impossível o governo continuar adiando a volta as aulas pública
    Já to cansado de fazer aulas onlines e por não entender o conteúdo to perdendo nota

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui