Governo do RS avalia se o retorno das aulas ocorrerá ao longo de maio ou junho

Conforme o governador, o adiamento do retorno das atividades escolares ocorre para que o Estado tenha tempo de se organizar com os “protocolos de segurança”.


0
Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini / CP

As aulas presenciais nas escolas da rede pública e privada não irão retornar no dia 4 de maio, quando vence o decreto estadual que determinou o fechamento das instituições de ensino em todo o Rio Grande do Sul.

A data do retorno do calendário de ensino deverá ser divulgada até o final desta semana. “Ainda estamos definindo se o retorno das aulas se dará ao longo do mês de maio ou do mês de junho”, esclareceu o governador Eduardo Leite, em entrevista coletiva por videoconferência, nesta terça-feira.

Conforme o governador, o adiamento do retorno das atividades escolares ocorre para que o Estado tenha tempo de se organizar com os “protocolos de segurança”.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui