Governo gaúcho determina suspensão temporária da imunização de gestantes e puérperas com vacina da Oxford/AstraZeneca

Agência de Vigilância Sanitária recomendou a suspensão imediata da aplicação deste imunizante contra Covid-19 em gestantes


0

O governo do Rio Grande do Sul recomendou, nesta terça-feira (11), a suspensão temporária da aplicação da vacina Oxford/AstraZeneca em gestantes e puérperas, como medida preventiva, seguindo a recomendação da Anvisa, até que seja esclarecido um possível evento adverso pós-vacinação.

Na noite de segunda (10), a Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou a suspensão imediata da vacinação em gestantes com as doses dessa vacina específica. Agora, só podem ser aplicadas a CoronaVac e a da Pfizer neste público.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui