Governo recupera 12,6% dos pagamentos irregulares do auxílio emergencial

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 8h


0
Foto: Divulgação

O governo federal conseguiu recuperar desde dezembro do ano passado R$ 6,9 bilhões em recursos do auxílio emergencial pagos indevidamente em 2020 e 2021 a solicitantes que não atendiam aos critérios do programa. Um relatório do Tribunal de Contas da União (TCU), aponta que esse total corresponde a R$ 54,6 bilhões. O programa vigorou em duas etapas: entre abril e dezembro de 2020 e entre abril e outubro de 2021. Ao longo desse período foram pagas 16 parcelas. G1

Prêmio da Mega da Virada pode render R$ 1,75 milhão ao mês

O concurso deste ano da Mega da Virada pode pagar um prêmio de R$ 350 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio acontece no dia 31 de dezembro. Caso o único ganhador aplique o prêmio de R$ 350 milhões na poupança, poderá receber R$ 1,75 milhão ao mês. Ao contrário dos concursos realizados ao longo do ano, a Mega da Virada não acumula. Se não houver acerto para as seis dezenas, o prêmio será dividido entre os acertadores da 2ª faixa. G1

Governo deixa de gastar R$ 26,6 bi do orçamento de combate à covid

O governo federal deixou de gastar R$ 26,6 bilhões no combate à pandemia de coronavírus no Brasil neste ano. O valor equivale a 20% do total do orçamento liberado por meio de MPs (medidas provisórias), que é de R$ 135,9 bilhões. Foram gastos, até 16 de dezembro, R$ 109,3 bilhões (80%) do previsto. A maior sobra, de R$ 9,9 bilhões, foi registrada com a aquisição de vacinas e insumos contra a covid-19. R7

Cesta de Natal sobe 11,8% em SP em 2021

Pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) aponta que o preço dos itens da cesta de Natal cresceram em média 11,8% no estado de São Paulo na comparação com o ano passado. Segundo a Fipe, a cesta que custava R$ 309,86 em 2020, neste ano não sai por menos de R$ 346,41. O peru, o panetone e a azeitona verde foram os vilões da alta dos preços e registraram aumento acima de 20%. Já o lombo de porco teve queda de mais 7%, segundo pesquisa. G1

Ministério da Saúde inicia consulta pública sobre vacinação de crianças

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o uso da vacina da Pfizer contra a covid-19 em crianças de 5 a 11 anos de idade no Brasil no dia 16 de dezembro. No entanto, a chegada do imunizante aos postos de saúde depende do calendário e da logística do Programa Nacional de Imunizações (PNI). Num movimento incomum, para definir a inclusão da faixa etária na campanha de imunização, o Ministério da Saúde realiza, a partir desta quinta-feira (23), uma consulta pública que ficará disponível até o dia 2 de janeiro de 2022. CNN

Vacinação contra a covid-19 será das 8h às 20h nesta quinta-feira

Nesta quinta-feira (23) a vacinação contra a covid-19, em Lajeado, terá o horário ampliado e irá ocorrer das 8h às 20h. A aplicação segue para os mesmos grupos no CAPS Adulto. São disponibilizadas primeiras doses da vacina em adolescentes de 12 ou mais e maiores de 18 anos; além de segundas doses para quem fez a primeira dose da CoronaVac até 25 de novembro; AstraZeneca até 14 de outubro e Pfizer até 2 de novembro. A dose de reforço está disponível para maiores de 18 anos que tenham completado o esquema vacinal básico até 23 de julho. E doses de reforço para maiores de 18 anos que tenham feito a dose única da Janssen até 23 de outubro. AI/RC

Projeto de lei que prevê a regionalização do saneamento é aprovado na Assembleia

A Assembleia Legislativa aprovou, em sessão extraordinária nesta terça-feira (21), o Projeto de Lei que prevê a regionalização do saneamento básico. Foram 35 votos favoráveis e 16 contrários. Encaminhado pelo executivo, o projeto de lei cria a Unidade Regional de Saneamento Básico 1 e 2. Segundo o secretário do Meio Ambiente e Infraestrutura, Luiz Henrique Viana, o objetivo é proporcionar a viabilidade técnica, econômica e financeira aos blocos e garantir, mediante a prestação regionalizada, a universalização dos serviços públicos de abastecimento de água potável e de esgotamento sanitário. De acordo com dados do governo federal, cerca de 35 milhões de brasileiros não têm acesso à água potável e metade da população está exposta ao esgoto sem tratamento. Secom RS

ConecteSUS segue sem apresentar vacinas da covid após 13 dias

O ConecteSUS, responsável pela emissão do Certificado Nacional de Vacinação covid-19, completa 13 dias fora do ar nesta quinta-feira (23). A página e o aplicativo do ConecteSUS e o site do Ministério da Saúde foram invadidos por hackers na madrugada do dia 10 de dezembro. Na segunda (20), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que o ConecteSUS deveria voltar até esta quarta (22). O Ministério da Saúde não informou quando o sistema será restabelecido. G1

Pela quarta semana seguida, governo do RS não emite Avisos e Alertas

Pela quarta semana consecutiva, o governo gaúcho não emitiu, nesta quarta-feira (22), Alertas ou Avisos para as 21 regiões covid do Rio Grande do Sul. De acordo com equipes técnicas, a ausência de recomendações no sistema 3A de enfrentamento à pandemia é resultado do avanço da imunização e da estabilização dos indicadores relacionados ao coronavírus. No boletim semanal, o governo destacou a tendência de queda nas internações. Ao comparar os dados de hoje com a semana passada, houve redução de 18 confirmados em leitos clínicos e 47 em UTIs. Correio do Povo

Produção e apresentação: Artur Dullius
Próxima edição: ao meio-dia

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui