Governo russo diz que não há progresso significativo em negociações de paz com a Ucrânia

Moscou acusa Kiev de paralisar as conversações de paz, fazendo propostas inaceitáveis à Rússia


0

O Kremlin disse, nesta segunda-feira (21), que as negociações de paz com a Ucrânia ainda não tiveram nenhum progresso significativo. Moscou acusou Kiev de paralisar as conversações de paz ao fazer propostas inaceitáveis à Rússia.

A Ucrânia disse que está disposta a negociar, mas não se renderá nem aceitará ultimatos dos russos. Falando aos repórteres em uma teleconferência, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que ainda é necessário fazer progressos significativos nas negociações para que ocorra uma base para uma possível reunião entre o presidente russo Vladimir Putin e seu homólogo ucraniano Volodmir Zelenski. “Para que possamos falar em uma reunião entre os dois presidentes, é preciso fazer o dever de casa.

As conversações têm que ser realizadas, e seus resultados têm que ser acordados”, disse Peskov. “Não houve nenhum progresso significativo até agora.”

Fonte: Agência Brasil


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui