Ovoo do Grêmio para Chapecó, marcado para as 15h desta terça-feira, foi cancelado por conta do fechamento do aeroporto da cidade catarinense pelo mau tempo. O clube agora aguarda um posicionamento da CBF sobre um possível adiamento do jogo.

A delegação da Chapecoense também estava no Salgado Filho esperando para embarcar para Chapecó. Sem voos disponíveis, o clube catarinense decidiu fazer a viagem de ônibus. Essa possibilidade foi descartada pelo presidente gremista Romildo Bolzan. Jr. “A estrada está com problemas, a previsão é de mais temporal. Já tivemos funcionários que sofreram um acidente. Não seria uma viagem segura”, disse Romildo.

A CBF deve se manifestar até as 18h desta terça-feira sobre o adiamento da partida entre Grêmio e Chapecoense, inicialmente marcada para as 21h45min desta quarta.

Romildo se mostrou a favor de que o jogo seja realizado na quinta-feira caso haja condições para a delegação do clube viajar amanhã para Chapecó. “Se tiver condições de viajar e marcar para quinta, pode ser. Se não puder viajar amanhã, não tem nem como jogar na quinta. O bom seria que a CBF conseguisse uma data alternativa”, afirmou.

Encontro no aeroporto

As delegações de Grêmio e Chapecoense chegaram a se encontrar no aeroporto Salgado Filho no começo da tarde desta terça-feira. O clube catarinense, que jogou em Belo Horizonte no domingo com o Cruzeiro, veio a Porto Alegre após não conseguir pousar em Chapecó. Com o cancelamento dos voos, a direção da Chape decidiu fazer a viagem de volta para casa de ônibus.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui