Grupo neonazista vandaliza estátua de George Floyd em Nova York

Busto que havia sido inaugurado no Brooklyn no sábado (19) amanheceu coberto de tinta preta e o nome do grupo. 'Vamos levar esses covardes à Justiça', prometeu o prefeito Bill de Blasio


2
Estátua de George Floyd é inaugurada no Brooklyn, em Nova York, como parte das celebrações do Juneteenth, nos Estados Unidos, em 19 de junho de 2021 (Foto: Jeenah Moon/Reuters)

O nome de um pequeno grupo de extrema direita foi pichado na quinta-feira (24) em uma estátua em homenagem a George Floyd em Nova York, nos Estados Unidos.

O busto de Floyd amanheceu coberto de tinta preta e o nome do grupo. Ele havia sido inaugurado no Brooklyn no sábado (19).

Horas antes, outra estátua de Floyd também apareceu coberta de tinta com a mesma inscrição, em frente à prefeitura de Newark (Nova Jersey).

O vandalismo ocorre na véspera do veredito do ex-policial Derek Chavin, condenado por assassinar Floyd. Ele asfixiou-o até a morte durante uma abordagem policial em maio de 2020, em Mineápolis.

Após o crime bárbaro, Floyd se tornou o símbolo da luta contra a violência policial e a discriminação no país.

A pena de Chauvin, que será conhecida nesta sexta-feira (25), pode chegar a 40 anos de prisão. Ele foi considerado culpado em todas as três acusações de homicídio contra o ex-segurança negro.

Fonte: G1

2 Comentários

  1. Aqui no Brasil esse mesmo grupo quebrou a placa com o nome de uma Rua com o nome da vereadora Mariele Franco assassinada por um vizinho e amigo da família Bolsonaro.
    Depois disso os dois foram eleitos deputados pelo PSL, mesmo partido do Bozo. É muita coincidência.

  2. Aqui no Brasil esse mesmo grupo quebrou a placa com o nome de uma Rua com o nome da vereadora Mariele Franco assassinada por um vizinho e amigo da família Bolsonaro.
    Depois disso os dois foram eleitos deputados pelo PSL, mesmo partido do Bozo. É muita coincidência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui