Homem-bomba Manchester se radicalizou no Reino Unido em 2015, dizem investigadores líbios


0
Foto: Reprodução/Facebook/Hashem Abedi

O homem-bomba que matou 22 pessoas em um show em Manchester no mês passado se radicalizou em 2015 enquanto morava no Reino Unido, disse seu irmão a investigadores de contraterrorismo líbios em Trípoli.

Hashem, irmão de Salman Abedi, também disse que ele comprou equipamento para o ataque no Reino Unido, embora não soubesse onde ele seria realizado, disse o porta-voz da Força Especial de Dissuasão de Trípoli (Rada).

A Rada é uma força de contraterrorismo alinhada ao governo de Trípoli, que tem apoio da Organização das Nações Unidas (ONU). Ela deteve o pai de Salman Abedi, Ramadan, e seu irmão mais novo, Hashem, nos dias seguintes ao atentado, e os está interrogando, assim como outros familiares.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui