Homem perde R$ 75 mil no golpe do tesouro em Dois Irmãos

Estelionatários convenceram vítima de que teria um tesouro enterrado no seu terreno


0
Foto: Polícia Civil / Divulgação

Um homem e uma mulher foram indiciados por estelionato após enganar uma família enterrando barras de ouro falsas em seu terreno. O caso ocorreu em Dois Irmãos, na região metropolitana de Porto Alegre.

As vítimas foram convencidas de que haveria um tesouro escondido no pátio, e os estelionatários precisavam de dinheiro para encontrá-lo. A vítima havia comprado o terreno há 13 anos e foi abordada pelo vizinho, que lhe contou boatos de que o proprietário anterior havia enterrado barras de ouro no local. Os dois vistoriaram o terreno com um detector de metais alugado que, ainda segundo a polícia, teria apitado várias vezes.

O suspeito, em seguida, teria dito que o aparelho quebrou e seria necessário dinheiro para consertá-lo. Empolgada, a vítima vendeu um carro e pegou dinheiro emprestado, num total de R$ 75 mil e entregou aos criminosos. O dinheiro seria usado para o aluguel do equipamento e para uma suposta venda das barras, que seria feita em São Paulo e intermediada pelos acusados.

A caça ao tesouro encontrou 17 barras de ouro falsas espalhadas pelo terreno, que foram constatadas como sendo, na verdade, barras de ferro banhadas em ácido. Os indiciados vão responder processo em liberdade. O caso está sob investigação da Polícia Civil. CC

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui