Homem que morreu no HBB carece de identificação

A vítima possui diversas tatuagens que podem auxiliar familiares


0

Um homem que morreu internado no Hospital Bruno Born (HBB) em Lajeado carece de identificação.

Conforme os registros policiais, a vítima foi encontrada caída no dia 17 de junho nas dependências do ginásio do Colégio Martin Luther, em Estrela. Diante disso, o homem foi encaminhado para atendimento no Hospital Estrela. Posteriormente, acreditando-se ser cidadão lajeadense, foi transferido para o HBB.

No último sábado (22) a vítima não resistiu e morreu, sendo seu corpo encaminhado para necropsia no Departamento Médico Legal (DML) de Lajeado. Já foi colhido material das digitais para a tentativa de identificação papiloscópica.

Os profissionais constataram que o homem já havia passado por uma craniotomia (cirurgia na cabeça) há mais tempo. O cadáver é de uma pessoa do sexo masculino, pela clara, cabelos e barba preta, com peso de aproximadamente 75 kg, que fazia uso de cavanhaque, e tem cerca de 40 anos de idade.

O cadáver também possui diversas tatuagens como: uma carpa e uma flor de lótus na perna; um menino fazendo manobra de skate no antebraço direito; no pulso esquerdo uma frequência cardíaca com a palavra fé; no antebraço esquerdo um tigre e a frase em inglês “take these broken wings and leary to fly” (pegue essas asas quebradas e aprenda a voar); na face posterior do antebraço esquerdo a máscara da tragédia e da comédia; e logo abaixo o nome Evelyn.

Familiares ou pessoas que possam conhecer o homem podem procurar o DML de Lajeado, localizado junto das capelas mortuárias do Florestal. MS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui