Homem sobrevive com ajuda de golfinhos após nadar durante 12 horas

Isso porque ele estava a quase 5 km da beira-mar quando ficou exausto demais para voltar e, sem nada para se apoiar, acabou cercado por golfinhos, que o impediram de se afogar


0
A vítima percebeu que não tinha preparo físico para nadar tão longe (Foto: Reprodução/Facebook/Fenit Lifeboat Station)

Um homem teve uma grande sorte enquanto nadava nas águas geladas de Tralee Bay, na costa oeste da Irlanda, no domingo (22). Isso porque ele estava a quase 5 km da beira-mar quando ficou exausto demais para voltar e, sem nada para se apoiar, acabou cercado por golfinhos, que o impediram de se afogar.

O resgate foi realizado pela equipe da instituição nacional de salvamentos 12 horas após o nadador, que não levava nada além de um calção de banho, deixar a terra firme, de acordo com o jornal local Irish Independent. As roupas dele foram deixadas na praia, o que alertou a Guarda Costeira da região.

A ação de buscas durou várias horas e só foi encerrada após o grupo perceber o homem no meio de vários golfinhos. Uma vez salvo, o sobrevivente, que estava consciente, foi transportado a uma ambulância e levado ao hospital.

Ele contou que estava tentando nadar mais de 8 km da costa, mas chegou à conclusão que estava totalmente despreparado. O tripulante da operação Finbarr O’Connell se mostrou surpreso que a vítima ainda estava com vida. “Ele teve muita, muita sorte.

Não há dúvidas sobre isso. Meia hora mais tarde e ele estaria perdido”, disse, se referindo ao fato que as águas da região são extremamente frias e o homem já apresentava sinais de hipotermia.

Fonte: UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui