Hospital de Clínicas cancela cirurgias que demandem leitos CTI por alta nas internações por Covid-19

Demanda encontra-se acima da capacidade operacional


0
Foto: Mauro Schaefer

O Hospital de Clínicas de Porto Alegre anunciou nesta quarta-feira novas medidas de contingenciamento em sua operação por conta da alta na ocupação por Covid-19 e na piora do cenário epidemiológico na cidade. Conforme monitoramento da instituição, 84 dos 87 leitos críticos dedicados à doença estão ocupados, e, na enfermaria Covid, apenas um dos 34 leitos existentes ainda pode receber pacientes.

Como contingência, estão canceladas até sábado todas as cirurgias que demandem leitos de Centro de Terapia Intensiva (CTI) e ficam suspensas as internações clínicas eletivas. Além disso, ao longo do dia, serão abertos ainda mais leitos de enfermaria dedicados ao atendimento de Covid-19. O Hospital também reforça a importância do uso de máscara, higiene de mãos e distanciamento para diminuir a propagação do vírus.

Na terça-feira, a Capital registrou 312 infectados com o vírus e 36 suspeitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) – o maior número de 2021 e o mais alto desde 25 de dezembro do ano passado, quando, somados, 355 leitos estavam ocupados por pacientes relacionados com a Covid-19. Nos últimos 14 dias, houve aumento de 14% das internações de pacientes com a doença.

Porto Alegre, até essa terça, tinha registrado mais de 95 mil casos da doença, com 2.273 óbitos. Já a campanha de vacinação, iniciada há um mês, imunizou quase 93 mil pessoas até o fim da manhã desta quarta.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui