Hospital Estrela passa por reformas no Centro Cirúrgico, no Pronto-Socorro e na área de material esterilizado

Os investimentos são superiores a R$ 2,7 milhões. Instituição é administrada pela Rede de Saúde Divina Providência


0
Gerente administrativo da casa de saúde, Johnnie Locatelli (Foto: Tiago Silva)

O Hospital Estrela, administrado pela Rede de Saúde Divina Providência, reformou e ampliou o seu Centro Cirúrgico, espaço que passou a ter cinco salas de cirurgia e 12 leitos de observação. Antes eram quatro salas e 10 leitos. Também passaram por obras o Centro de Material Esterilizado (CME) e o Pronto-Socorro, este em fase final.

Os investimentos são superiores a R$ 2,7 milhões. Em entrevista no programa Troca de Ideias desta quinta-feira (26), o gerente assistencial Johnnie Locatelli detalhou os trabalhos executados. Conforme ele, a reforma e ampliação do Centro Cirúrgico alcançam 680 m².

Locatelli lembra que a execução foi realizada por várias etapas para que o atendimento à população não parasse. A conclusão foi finalizada em julho. O gerente explica que a captação de recursos começou em 2011 e as obras, em 2013. Porém, ficaram estagnadas até que a Rede de Saúde Divina Providência assumisse o hospital, em janeiro de 2019.

A direção também melhorou o acesso para os pacientes e para a entrada das ambulâncias no setor de Emergência, com a instalação da Sala Vermelha logo na entrada. A sala de espera teve seu espaço dobrado.

Atualmente, o Hospital Estrela é referência regional em cirurgia geral para os 37 municípios do Vale do Taquari, bem como em gestação e parto de alto risco. Para alguns municípios também é referência em traumatologia, ortopedia e urologia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui