Idealizador da Festa à Fantasia conta bastidores da negociação com Alok para a 30ª edição do evento

Organização buscava fechar contrato com o artista há pelo menos quatro anos. Com a retomada dos eventos, a coordenação insistiu por três meses até encontrar uma data na agenda de Alok


0
Foto: Divulgação

A Festa à Fantasia chega à sua 30ª edição em 20 de abril, data que coincide com a primeira edição do evento, realizada em 1991, com uma mega atração: o DJ Alok, considerado um dos melhores do mundo em seu segmento. A organização já tinha o artista em seu horizonte há pelo menos quatro anos, mas não dava agenda. Até que, quando a pandemia de covid-19 deu uma brecha para a volta dos eventos, a coordenação da festa retomou os contatos. E depois de três meses de insistência, encontrou uma data no calendário do DJ. E o mais especial: exatamente quando o evento completa aniversário da primeira vez.

“Na produtora deles, eles chegam a receber de 400 a 500 propostas na agenda do Alok por mês. Então é menos de 10% que eles conseguem atender”, conta o empresário, idealizador e consultor da Festa à Fantasia, Daniel Kappler, em entrevista ao programa Troca de Ideias desta segunda-feira (20). Para ele, a ideia de insistir em Alok foi muito válida. “Ele nunca esteve num patamar tão grande, e a gente ficou sabendo que logo depois da festa, ele inicia uma turnê internacional para se tornar o DJ número um do mundo”, valoriza Kappler.

O empresário imaginava uma grande repercussão com a divulgação do nome, realizada em 7 de dezembro, mas admite que o tamanho foi uma surpresa. “Quando a gente anunciou o Alok foi uma bomba, impressionante mesmo, um tiro de canhão”, afirma.

Na entrevista à Rádio Independente, Kappler contou que a Festa à Fantasia de Lajeado surgiu de um grupo de cerca de 40 amigos que se reunia aos finais de semana. Até que veio a ideia de organizar uma noite temática, com venda de ingressos antecipados. As primeiras entradas foram impressas no primeiro computador da empresa da família de Kappler, a Motomecância. Os amigos saíram vendendo, e logo tinham 250 tickets comercializados para a primeira edição, realizada nos salões da Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil). A proposta lúdica e temática repercutiu tanto que os amigos tiveram que parar de vender ingressos, pois a procura era tanta que não havia mais espaço no ambiente.

Daniel Kappler explica que a festa surgiu de um grupo de amigos em 1991 (Foto: Tiago Silva)

No segundo ano, eles comercializaram mais de mil ingressos. Desde então, a Festa à Fantasia se popularizou ano após ano. O evento já ocorreu em vários ambientes de Lajeado: na Aquarius, no clube esportivo Sete de Setembro, no ginásio do Claudião, no Parque dos Dick, no Clube Tiro e Caça (CTC) e no Parque do Imigrante.

A última edição da Festa à Fantasia de Lajeado aconteceu em setembro de 2019, meses antes do início da pandemia da covid-19. Na edição de 30 anos, a festa traz novamente o formato 100% open bar e open food. A venda de ingressos iniciou em 7 de dezembro.

As entradas podem ser adquiridas pelo site minhaentrada.com.br, ou então nos pontos de venda listados abaixo:

Arroio do Meio: Divina Bijuterias e Di Nápoli Pizzaria
Encantado: Posto Dália
Estrela: Posto da Dani
Lajeado: Cacau Show Centro, Di Nápoli Pizzaria, Posto Faleiro e Trekosliros
Santa Clara do Sul: Moda & Esportes
Santa Cruz do Sul: Cacau Show Shopping
Teutônia: Posto da Dani
Venâncio Aires: Trekosliros

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui