Idosa imobiliza intruso com taco de beisebol e jiu-jítsu nos EUA

"Pulei em cima dele e estava dando socos nele e tudo mais, e eu estava com o taco contra sua garganta", disse a senhora.


0
Lorenza Marrujo, de 67 anos, usou jiu-jitsu para se proteger de um invasor, que tentou entrar em seu apartamento na Califórnia, EUA (Imagem: Reprodução/CBS Los Angeles)

Na noite de segunda-feira (28), no estado norte-americano da Califórnia, Lorenza Marrujo, uma senhora de 67 anos, usou um taco de beisebol e seu antigo conhecimento em jiu-jítsu para imobilizar um invasor em seu apartamento, localizado em um complexo para idosos, na cidade de Fontana.

A idosa, que conseguiu defender uma vizinha, possui 26 anos de treinamento em artes marciais e costumava treinar escutando “Eye of the Tiger”, canção do grupo Survivor, que já foi trilha sonora da série de filmes de ação “Rocky”, estrelada por Sylvester Stallone.

Em entrevista à CBS, Lorenza diz que ordenou ao intruso que ele fosse embora. Porém, o homem, identificado como Donald Robert Prestwood, de 59 anos, se dirigiu até o apartamento da amiga e vizinha dela, Elizabeth McCray, uma senhora de 81 anos, que se locomove com uma cadeira de rodas. Ao ouvir os gritos da colega, Lorenza não pensou duas vezes: foi imediatamente ajudar, atacando o invasor, que agarrava sua amiga. “Eu me apertei entre ela e ele”, relatou a senhora. “Pulei em cima dele e estava dando socos nele e tudo mais, e eu estava com o taco contra sua garganta”.

A seguir, a idosa segurou o indivíduo com as mãos. O invasor rapidamente tentou torcer a mão dela, mas acabou tendo a mão torcida.”Ele estava dizendo: ‘Você está me machucando, você está me machucando'”, descreveu Lorenza. “E eu disse, ‘Eu não me importo. Eu não me importo com o que acontece com você. Você não tinha o direito de machucar uma pessoa idosa'”. A respeito de ter sido salva pela amiga, Elizabeth disse que nunca esperou que Lorenza fosse tão corajosa. Por meio de um breve diálogo, ela até tentou impedir que a vizinha reagisse.”Eu disse: ‘Você poderia ter cuidado, ele vai nos matar.’ Ela [Lorenza] disse: ‘Não esta noite”, recordou a vizinha.

Após o incidente, a senhora lutadora de jiu-jitsu foi levada ao hospital e teve alta no dia seguinte. O suspeito, por sua vez, não teve nenhum ferimento e está em custódia desde que foi levado pela polícia naquela noite.

Fonte: UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui