“Impedir eleições é crime de responsabilidade”, diz Barroso em nome do TSE

O posicionamento é uma resposta oficial da Corte a uma fala do presidente Jair Bolsonaro


0
Foto: Fernando Frazão / Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou uma nota oficial na tarde desta sexta-feira (9) afirmando que “qualquer atuação” que possa impedir a ocorrência das eleições presidenciais de 2022 viola princípios constitucionais e “configura crime de responsabilidade”. “A realização de eleições, na data prevista na Constituição, é pressuposto do regime democrático. Qualquer atuação no sentido de impedir a sua ocorrência viola princípios constitucionais e configura crime de responsabilidade”, diz a nota, assinada pelo presidente do TSE, o ministro Luís Roberto Barroso. O posicionamento é uma resposta oficial da Corte a uma fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em conversa com apoiadores, o presidente afirmou que “a fraude está no TSE” e que “corremos o risco de não termos eleições no ano que vem”. Ele ainda ofendeu o ministro Barroso, a quem chamou de “imbecil” por ser contra a PEC do Voto Impresso. Fonte: CNN

Pacheco diz que Congresso não aceitará ‘retrocesso’ nem ‘frustração das eleições’

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse nesta sexta-feira (9) que o Congresso Nacional não admitirá retrocesso em relação ao estado democrático de direito. Ele afirmou que a possibilidade de “frustração das eleições” de 2022, como cogitou o presidente Jair Bolsonaro, é algo com que o Congresso não concorda e repudia. Segundo o presidente do Senado e do Congresso, as eleições são “inegociáveis”. Nestas quinta (8) e sexta (9), Bolsonaro afirmou que não haverá eleições no ano que vem se não forem “limpas”. O presidente quer a impressão do voto eletrônico, com o que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não concorda. Uma proposta de emenda constitucional com essa finalidade, de autoria da deputada Bia Kicis (PSL-DF), aliada de Bolsonaro, tramita atualmente na Câmara dos deputados. Fonte: G1

Com seis mortes por Covid-19, região encerra semana com redução de 45,5% nos óbitos

O Vale do Taquari teve queda de 45,5% no número de óbitos e estabilidade no número de casos por Covid-19 nos 36 municípios da região, na comparação das duas últimas semanas. Os dados foram apurados pela reportagem da Rádio Independente junto à Secretaria da Saúde do Rio Grande do Sul. Na semana de 2 a 8 de julho, a região de Lajeado teve 544 casos e seis óbitos. No período anterior – de 25 de junho a 1º de julho – o Vale do Taquari teve 544 casos e 11 mortes. O levantamento leva em conta os números oficiais da Secretaria da Saúde do RS. CS

RS tem 89 óbitos e 3.999 novos casos de Covid-19 nesta sexta

O Rio Grande do Sul registra nesta sexta-feira (9) 89 óbitos e 3.999 novos de Covid-19. Agora, o Estado chega a um total de 1.247.381 casos confirmados. Desses, 1.203.069 (96%) são considerados recuperados; 12.080 (1,4%) casos ativos; e 32.142 morreram em decorrência do coronavírus (2,6%). Às 17h desta sexta-feira (9) 79,6% dos leitos de UTI do estado estavam ocupados. Eram 2.717 pacientes em UTI para 3.407 leitos disponíveis. CS

Colômbia investiga se presos pela morte do presidente do Haiti são militares

O ministro da Defesa da Colômbia, Diego Molano, afirma que o país investiga informações da Interpol de que os colombianos presos no Haiti, por suspeita de terem participado do assassinato do presidente Jovenel Moise, são reservistas do Exército colombiano. Jorge Vargas, diretor-geral da Polícia Nacional colombiana, indicou que 6 suspeitos são ex-militares colombianos — 2 sargentos aposentados e 4 ex-soldados — e 2 deles morreram em confronto, segundo informações preliminares. Até o momento, 17 suspeitos foram detidos — 15 colombianos e 2 americanos —, 3 morreram em confronto e 8 estão foragidos. Parte do grupo chegou a invadir a embaixada de Taiwan ao tentar fugir. Jovenel Moise foi assassinados a tiros em sua casa na madrugada de quarta-feira (7). A primeira-dama, Martine Moise, foi baleada e hospitalizada. Ainda não se sabe quem foi o mandante nem o motivação do crime. Fonte: G1

Bolsonaro inaugura planta de produção de grafeno em Caxias do Sul

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), chegou na tarde desta sexta-feira (9) ao Rio Grande do Sul, onde participa de atividades na Serra e na Capital. O avião pousou em Caxias do Sul por volta das 13h20. Ele participa da abertura da 1ª Feira Brasileira do Grafeno, na Universidade de Caxias do Sul (UCS). A universidade possui um laboratório que produz o material derivado do carbono em escala industrial desde o ano passado. Bolsonaro conheceu as dependências do laboratório e inaugurou a primeira planta de produção de grafeno da América Latina. Bolsonaro deixou Caxias do Sul por volta das 17h10 e seguiu de helicóptero até Bento Gonçalves, distante 40 km. À noite, ele participa de jantar com produtores vitivinícolas. Já no sábado (10), o presidente visita Porto Alegre, onde participa de um almoço com empresários às 13h. Fonte: G1

Lajeado tem 76 casos ativos; é o menor número desde outubro de 2020

A prefeitura municipal de Lajeado informou por meio de seu boletim diário de coronavírus que nesta sexta-feira (9) são 76 casos ativos da doença no município. De acordo com a prefeitura, é o menor número desde 14 de outubro de 2020. Conforme apurado pela Rádio Independente, em 5 de março deste ano, eram 1.063 pessoas com o vírus ativo no município. Em 1º de julho, eram 183 casos ativos. Nesta sexta-feira o boletim diário aponta 14.884 casos confirmados (8 novos), 14.619 casos recuperados (44 novos), 189 óbitos, 37.179 vacinados com primeira dose, dos quais 12.734 já receberam também a segunda dose. E 2.534 pessoas que receberam dose única. CS

Teutônia terá vacinação para 1ª e 2ª dose neste sábado

Neste sábado (10), haverá ação de vacinação da 1ª dose contra Covid-19 para pessoas com 39 anos ou mais, no período da manhã, das 8h às 12h, no Centro Avançado de Saúde (CAS) do bairro Canabarro e no Posto de Saúde do bairro Languiru. Para aplicação da 2ª dose, haverá drive-thru da vacinação somente para as pessoas que participaram da Ação de Drive-thru realizada no dia 17 de abril. A ação ocorrerá no Pavilhão Multiuso do Centro Administrativo Municipal, no turno da manhã, das 8h às 12h. A fila dos carros será organizada na Avenida 01 Oeste. Se a pessoa recebeu a 1° dose da vacina no posto de saúde do seu bairro ou no Centro Municipal de Vacinação, ele deverá se dirigir ao mesmo local para receber a 2° dose, a partir do dia informado em sua carteira de vacinação. Para receber a vacina, é necessário apresentar documento com foto, cartão SUS e carteira de vacinas. AI/VM

Prefeito confirma Adriana Vettorello como nova secretária de Educação de Lajeado

Conforme adiantado pela Rádio Independente na última sexta-feira (2), a diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Vitus André Mörschbacher, do Bairro Universitário, Adriana Vettorello é a nova secretária de Educação de Lajeado. A confirmação foi feita pelo prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo, em entrevista à Rádio Independente na manhã desta sexta-feira (9). Após ter iniciado o processo de transição ao longo da semana, Adriana já participou da reunião semanal dos secretários municipais de Lajeado nesta sexta-feira e tomará posse, de forma oficial, na próxima segunda (12). Caumo fala da escolha Por Adriana. Adriana atua há 27 anos no magistério e desde 1994 faz parte do quadro de funcionários da Prefeitura de Lajeado. Ela será a substituta de Vera Plein, que foi desligada da Administração Municipal no dia 1º de julho. RS

Pfizer vai solicitar autorização para aplicação da terceira dose da sua vacina contra o coronavírus

Os laboratórios Pfizer e BioNTech anunciaram, na quinta-feira (08), que pedirão autorização a agências reguladoras para a aplicação de uma terceira dose da sua vacina contra a Covid-19. O anúncio ocorreu depois que dados de um teste em andamento mostraram que uma terceira dose aumenta os níveis de anticorpos de cinco a dez vezes mais contra a cepa original do coronavírus e a variante beta, encontrada pela primeira vez na África do Sul, em comparação com as duas primeiras doses. As empresas acreditam que uma terceira dose atuará de forma semelhante contra a variante delta, altamente contagiosa, que está se tornando dominante em nível global. Como precaução, as empresas também estão desenvolvendo uma vacina específica para a delta. As primeiras amostras estão sendo fabricadas nas instalações da BioNTech em Mainz, na Alemanha. Fonte: O Sul

Prefeitura cede à Conmebol e decide liberar 10% de público para a final de Brasil x Argentina

A Prefeitura do Rio de Janeiro cedeu à Conmebol e o Maracanã terá público de convidados na final da Copa América. A presença desses torcedores será limitada a 10% da capacidade do estádio. O jogo entre Brasil e Argentina será realizado no próximo sábado, às 21h (de Brasília). A prefeitura do Rio de Janeiro informou que liberação acontece em caráter excepcional: a presença dos torcedores ficará limitada a 10% da capacidade de cada setor do estádio, que tem capacidade para 78 mil pessoas. O público, sentado, deverá respeitar um espaçamento mínimo de dois metros entre cada pessoa ou família. A organizadora do evento, a Conmenbol, ficará responsável por fazer teste de Covid-19 em todos que entrarem no estádio dentro das 48 horas anteriores ao jogo: quem testar positivo, não pode entrar. Fonte: Globo Esporte

Produção e apresentação: Ricardo Sander
Próxima edição: Segunda-feira, às 8h

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui