Impostor é preso após fingir ser filho desaparecido de família rica na Índia por 41 anos

Tribunal confirmou que Dayanand Gosain assumiu a identidade do adolescente Kanhaiya Singh e o condenou a sete anos de reclusão


0
Dayanand Gosain (Foto: Reprodução)

Um tribunal na Índia decretou a prisão de Dayanand Gosain, que por 41 anos fingiu ser o filho de um rico dono de terras em Bihar, estado ao leste do país. Em fevereiro de 1977, o adolescente Kanhaiya Singh sumiu quando estava no caminho da escola para casa. Apesar da notificação do desaparecimento à polícia, o menino não foi encontrado.

Sem notícias do filho, o pai entrou em depressão e começou a consultar curandeiros. Um xamã disse a ele que seu filho estava vivo e apareceria em breve. Quatro anos depois um homem com pouco mais de 20 anos de idade chegou a uma aldeia localizada próxima de onde vivia o dono de terras. O desconhecido pedia esmolas para viver e contou aos moradores que era “filho de uma pessoa importante”.

Ao ouvir os rumores de um possível retorno de Kanhaiya, seu pai viajou até a aldeia vizinha. A história ganhou força após alguns vizinhos de Singh dizerem que o homem era realmente seu filho desaparecido, o que fez com que o estranho fosse para casa com ele.
A esposa de Singh percebeu que o impostor não era seu filho, pois Kanhaiya possuia uma cicatriz no lado esquerdo da cabeça, sinal que o impostor não apresentava. Entretanto, o pai estava convencido de que o homem era seu filho.

Após denúncia da mulher o caso começou a ser investigado. Nos 40 anos que se seguiram, o impostor se infiltrou na casa da família e assumiu a identidade do filho perdido: frequentou a faculdade, casou-se, formou família e forjou diversos documentos.

Somente em 2022 o caso foi julgado. Gosain foi declarado culpado de apropriação de identidade, fraude e conspiração e condenado a sete anos de prisão. A evidência que determinou o fim do processo foi a recusa de Gosain em fornecer uma amostra de DNA. A acusação tentou obter a prova pela primeira vez em 2014, mas só em fevereiro deste ano ele apresentou uma declaração por escrito recusando-se a fazer o teste.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui